A Secretaria da Saúde do Distrito Federal criou a campanha “De bike ao trabalho”, a fim de promover a bicicleta como meio sustentável e saudável de transporte. O objetivo é que os servidores públicos diminuam o uso do carro e que a bike não seja apenas para lazer.

O projeto de bicicletas compartilhadas foi criado em 2014 no Distrito Federal, mas atende apenas as regiões de Plano Piloto, Lago Sul e Águas Claras. Hoje, o DF conta com mais de 466 quilômetros de ciclovias e ciclofaixas, o que contribui para que os moradores se desloquem com maior facilidade.

A Yellow disponibiliza bicicletas e patinetes elétricos na capital federal. Basta retira-los nas estações específicas por meio dos “dockless”, opção de aluguel via aplicativo. Desde março, a startup Grin também passou a disponibilizar patinetes.

O serviço de bicicletas e patinetes elétricos ainda não é regulamentado na capital do DF. De acordo com a Secretaria de Transporte e Mobilidade, o governo está elaborando um Projeto de Lei para definir a política de mobilidade urbana cicloviária.

Author

Estudante de Jornalismo, apaixonada por política e cultura, seu maior objetivo é viajar pelos quatro cantos do mundo. Ela acredita que todos nós somos únicos e que é possível mudar a vida das pessoas através da educação financeira.

Escrever comentário