Powered by Rock Convert

Muitos brasileiros gostam de possuir uma renda a mais do que o salário ganho, por meio dos famosos bicos e investimentos. Uma das alternativas mais viáveis que existem no mundo das aplicações de capitais é o Certificado de Depósito Bancário (CDB), porém, existem duas modalidades de CDB, o com liquidez diária e no vencimento.

O que é o Certificado de Depósito Bancário

O Certificado de Depósito Bancário, o famoso CDB, é um tipo de investimento de baixo risco e boa rentabilidade, o que a torna atrativa para as pessoas ou empresas que possuem o desejo de investir. Por conta disso, o CDB tem se tornado uma das aplicações mais vantajosas.

O CDB consiste em uma venda dos títulos de uma determinada instituição bancária, que utiliza esse dinheiro arrecadado através da compra dos certificados para pagar todas as atividades de crédito disponibilizados pelo banco. Entretanto, existem dois tipos de CDB, o com liquidez diária e com liquidez no vencimento, o que gera muitas dúvidas aos novos investidores.

Diferenças entre CDB com liquidez diária e CDB com liquidez no vencimento

Inicialmente, para se entender a diferença entre o CDB com liquidez diária e no vencimento, é necessário entender o seu conceito. Em curto modo, liquidez é a capacidade que o investimento possui para se tornar dinheiro, ou seja, o tempo de retorno financeiro que a aplicação dá ao comprador do título.

Isso quer dizer que, em temos de aplicação de capital, liquidez é a chance que o investidor tem de recuperar o seu dinheiro sem muito imbróglio. Em outras palavras, quanto maior a facilidade que o aplicador tem de realizar o saque, maior será a liquidez do CDB.

Nos casos de liquidez diária e no vencimento não é diferente, a ideia é a mesma. O CDB que possui liquidez diária é a compra de títulos do banco, onde o investidor pode recuperar o valor aplicado a qualquer momento, ou seja, quando ele bem entender.

Powered by Rock Convert

Entretanto, apesar de possuir oportunidades diárias para a retirada dos fundos, esse tipo de aplicação também possui uma data de vencimento, ou seja, na data de expiração da aplicação, o valor deverá ser resgatado, independentemente da vontade do investidor.

Os casos de CDB liquidez no vencimento, o investidor só pode recuperar o valor aplicado na data indicada, ou seja, só será possível fazer o saque no final do período estabelecido no momento da compra do título da empresa.

Cada investimento possui um vencimento diferente, por isso é preciso saber a diferença de liquidez diária e no vencimento
Cada investimento possui um vencimento diferente, por isso é preciso saber a diferença de liquidez diária e no vencimento

Por exemplo, quando o investidor vai comprar o título do banco que possui a data de expiração no ano de 2020, isso significa que o aplicador só irá receber os valores aplicados naquele ano. Por conta disso, é muito importante saber escolher entre ambas aplicações.

É muito importante que o investidor saiba que a liquidez não está diretamente relacionada a rentabilidade do investimento, ou seja, ela não interfere no valor que a aplicação dará e retorno ao comprador dos títulos.

Por isso é muito importante que o aplicador saiba identificar a finalidade e o motivos que o levaram a investir. Caso o investidor queira um retorno rápido, ou seja, o seu foco ou objetivo é a curto prazo, é mais indicado investir na CDB com liquidez diária.

Entretanto, se ele quer maiores ganhos com a compra dos títulos e que o aplicador não vai precisar da quantia tão cedo, a melhor escolha é liquidez no vencimento. Por conta dessas alternativas, é muito importante que o investidor saiba ver a sua situação e escolher se deve comprar os títulos com liquidez diária ou com liquidez no vencimento.

Powered by Rock Convert

Comentários

Shares