Em comparação com o ano passado, o banco Santander alcançou um lucro líquido com 21% de aumento, registrando R$3,415 bilhões só no 1° trimestre.

O número de clientes ativos cresceu e chegou a 24,9 milhões. Já a carteira de crédito expandiu em 10,8% na comparação anual, além do aumento considerável de empréstimo para consumidores.

A inadimplência acima de 90 dias permaneceu estável na comparação com dezembro do ano passado, enquanto as receitas caíram 4,1% no trimestre devido a vendas mais fracas de seguros e cartões de crédito.

Já seu concorrente, o Bradesco anunciou um lucro líquido contábil de R$5,82 milhões, uma alta de 30% em relação ao mesmo período de 2018.

Author

Estudante de Jornalismo, apaixonada por política e cultura, seu maior objetivo é viajar pelos quatro cantos do mundo. Ela acredita que todos nós somos únicos e que é possível mudar a vida das pessoas através da educação financeira.

Escrever comentário