Sabemos que o Brasil é conhecido por ser um país com alta taxa tributária sobre seus contribuintes. E isso não poderia ser diferente, segundo o Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário, cada brasileiro destina cerca de 40% de todos os seus rendimentos para o pagamento de tributos.

Embora a carga de impostos pagos seja altíssima, muitos de nós não conhecemos nem a metade dos impostos que incidem sobre nossos rendimentos, patrimônios e aquisições.

Para que você tenha uma ideia, os impostos pagos estão sobre o pagamento por serviços públicos, como nossas contas de luz, água e gás, bem como em transações financeiras como o uso do cartão de crédito.

Antes de adentramos sobre os principais impostos pagos pelos brasileiros, é preciso destacar que há dois tipos de tributação. A tributação direta (impostos diretos) e a tributação indireta (impostos indiretos).

Os impostos diretos são os mais conhecidos e costumeiramente, de modo grosseiro, incidem diretamente sobre algo pré-estabelecido. Vamos explicar e exemplificar melhor.

Imposto direto: é o imposto pago diretamente a administração pública calculada com base em um valor fixo. É o valor pago sem intermediadores, sobre o valor de rendimento líquido ou apurado. Em alguns casos o valor líquido e/ou de mercado do produto a receber a tributação.

Imposto indireto: é aquele pago embutido em algo por você adquiriu. Em outras palavras é a porcentagem destinada aos cofres públicos sobre tudo o que se consome. Por exemplo: quando você compra um tênis por R$199 e na nota fiscal há descrito “tributos fiscais: R$ X” este é um claro exemplo de imposto indireto, embutido a um bem adquirido.

Depois deste pequeno adendo vamos conhecer os principais impostos pagos por nós.

Os impostos diretos

IRPF

O IRPF ou Imposto de Renda de Pessoa Física é uma tributação sobre a arrecadação anual do cidadão. É o famoso “leão”. Para que você pague o Imposto de Renda é necessário rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.559,70 no ano anterior (ano base 2018). A alíquota paga por cada contribuinte varia de acordo com o valor declarado. Em média de 7,5% até 27,5%.

IPVA

O IPVA ou Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores com certeza é um dos impostos mais conhecidos por todos nós. É uma tributação anual paga por proprietários de veículos automotores terrestres. Entretanto não se anime, o IPVA, não é destinado à manutenção das estradas, como muitos contribuintes apostam.

O dinheiro arrecadado pelo IPVA é dividido igualmente entre Governo Federal e o município onde o veículo foi licenciado, sendo esta verba usada para custear obras e serviços nas mais diversas áreas.

IPTU

O IPTU ou Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana é basicamente semelhante ao IPVA, contudo é pago por proprietários de imóveis sejam eles na área urbana ou rural. Tributação anual calculada sobre o valor venal da propriedade, podendo ser paga em parcelas ou à vista com descontos para aposentados e pensionistas.

Os impostos indiretos

IPI

O IPI ou Imposto sobre Produtos Industrializados é sem dúvida um dos mais famosos e isso se dá graças a inúmeras campanhas do Governo Federal para zerar a tributação visando aquecer o sistema de compra de bens e serviços. Muitos foram os anúncios sobre a diminuição do imposto cobrado principalmente em eletrodomésticos de linha branca.

IOF

O IOF ou Imposto sobre Operações Financeiras incide sobre toda e qualquer movimentação financeira por você realizada, ou ainda movimentações realizadas por administradoras de cartão de crédito.

Comentários