Powered by Rock Convert

Confira quais são as exigências feitas pelo Banco Itaú para aprovar o refinanciamento de um imóvel!

O refinanciamento de imóveis é uma das modalidades de crédito oferecidas pelo Banco Itaú.

Seja um imóvel residencial ou comercial, nesse método você pode usá-lo como garantia para um empréstimo com juros menores e prazos maiores do que os habituais do mercado.

Entretanto, para fazer o refinanciamento de um imóvel através do Banco Itaú, é preciso checar antes as condições dadas pelo banco para pagamento. Diferente de outros bancos e financeiras, o Itaú costuma liberar crédito e calcular a taxa de juros e prazo, de acordo com o resultado da análise de crédito realizada pelo banco.

Quais as condições para fazer um refinanciamento de imóvel no Banco Itaú?

Para conseguir a aprovação, é preciso que o imóvel já esteja quitado e em seu nome. Também é necessário ser um cliente Itaú Personnalité para o banco liberar o serviço. O Itaú realiza uma análise de crédito e de condições do imóvel, medindo seu valor atual no mercado, e a partir daí avalia a aprovação e o valor de crédito que será liberado.

O banco garante taxas de juros menores e prazos maiores de pagamento para seus clientes, e ainda dá dicas de onde investir ou usar esse dinheiro. O gerente da sua conta poderá lhe dar mais informações sobre essa modalidade de crédito.

Quando é bom fazer um refinanciamento de imóvel?

Esse modelo de crédito é novo no Brasil e ainda assusta muitas pessoas. Ter sua casa própria é um sonho de muitos brasileiros e o refinanciamento coloca esse sonho em risco. Seu imóvel vira garantia em caso de não cumprimento do pagamento das parcelas.

Porém, em algumas situações, optar por esse tipo de empréstimo pode ser muito vantajoso. O refinanciamento de um imóvel é indicado para a quitação de dívidas caras, por exemplo, pois geralmente os bancos liberam em média 50% do valor do imóvel e o pagamento é facilitado por ter um prazo maior, em média 15 anos, e juros menores do que o empréstimo pessoal.

Outro bom meio de usar esse tipo de crédito é para conseguir crédito para sua empresa, seja como capital de giro ou para novas ampliações em seu negócio. Mesmo que seu nome esteja negativado o empréstimo pode ser liberado. É uma opção muito atrativa para empreendedores que buscam maneiras de fazer sua empresa sobreviver a crise, ou expandir seu modelo de negócio.

Cuidados ao fazer o refinanciamento de um imóvel

Muita cautela na hora de pegar um empréstimo nesse formato. Sua casa entra como garantia e pode ser leiloada caso você não cumpra com o pagamento. Nesses casos extremos, ainda é possível renegociar a dívida com o banco, afinal, ainda é mais vantajoso para a empresa. Leiloar sua casa é a última opção de um banco para sanar o pagamento da dívida.

Uma dica para evitar passar por essa situação complicada, é a de pegar apenas o dinheiro necessário para o fim que ele será destinado, por mais que o banco libere mais crédito para você. Pegue apenas o valor que precisa, isso vai facilitar o pagamento. Para empreendedores é recomendado avaliar a possibilidade de pagamento e a previsão de retorno do crédito solicitado.

Gostou? Continue acompanhando nosso blog. Deixe seu comentário contando sua experiência no refinanciamento de imóvel do Itaú!

Powered by Rock Convert

Escrever comentário

Shares