Powered by Rock Convert

Ele funciona como uma ponte que liga você a um outro sistema monetário, sem complicações na hora de realizar uma transação que envolva o câmbio entre moedas. Com um cartão desses em mãos, você pode efetuar saques em caixas eletrônicos dentro ou fora do país. Você também pode fazer retiradas e depósitos de dinheiro em bancos fora do país. Sem dúvidas essas são grandes vantagens e poderíamos para por aqui, mas existem outras vantagens que também devem ser levadas em conta para você adquirir esse cartão.

Qual é a diferença de um cartão de crédito nacional e internacional?

Basicamente, as duas modalidades têm características iguais, com a diferença principal de que, obviamente, o cartão internacional oferece possibilidade de fazer operações vinculadas a outros países. Mas, em ambos os casos, você pode desfrutar do que o crédito oferece como saques, empréstimos, depósitos, possibilidade de fazer compras em lojas online, etc.

Quem pode ter um cartão internacional?

O cartão de crédito internacional exige em geral os mesmos requisitos dos cartões nacionais comuns. É preciso ter no mínimo 18 anos e corresponder às exigências de renda do banco, que vai liberar um limite de acordo com a análise de crédito feita no momento do cadastro. Nesse momento, vale a pena conversar com o gerente do banco para entender como funciona a ativação do cartão para uso internacional.

Certifique-se de usa-lo

Antes de adquirir o cartão, é importante ficar atento para o fato de que ele precisa ser internacional. Ou seja, aceito não somente no Brasil, mas também no exterior. Conheça 5 dicas antes de pedir seu cartão internacional.

Se você já tem um cartão, verifique no verso se ele contém a palavra “internacional”. Se tiver somente “valid only in Brazil”, significa que o cartão não é válido em outros países.

Como saber se eu preciso de um cartão internacional?

Com cartão internacional, é possível ter bons descontos comprando em lojas estrangeiras.

Antes de mais nada, saiba que apesar dos benefícios, um cartão internacional costuma ter taxas maiores (anuidade e pacote de serviços, por exemplo). Por isso, é importante saber quando ter um cartão de crédito internacional.

Confira abaixo quais são as situações em que o cartão internacional costuma ser usado.

  • Saques em agências de outros países: essencial para quem pretende viajar para fora do Brasil, o cartão vai ser usado para sacar dinheiro em terminais eletrônicos internacionais ou agências bancárias na cidade em que você estiver;
  • Compras em sites internacionais: lojas de aplicativos para smartphones, roupas, eletrônicos. Para fazer compras online em sites estrangeiros você vai precisar de um cartão internacional. Operações de compra e transferência pelo PayPal também necessitam desse tipo de cartão;
  • Pagamentos fora do Brasil: Você não precisa se preocupar com a moeda porque o cartão faz a conversão do dólar para o real automaticamente.

Em resumo, o cartão internacional só é recomendado se você costuma viajar para fora do país ou se costuma fazer compras em lojas online estrangeiras.

Vantagens pra ter um cartão de crédito internacional

1 – Compras em sites internacionais

Com um cartão de crédito internacional você pode fazer compras em qualquer lugar do mundo. Com a internet você pode adquirir produtos em qualquer site no exterior. E ao contrário do que algumas pessoas pensam, o cartão também pode ser utilizado para compras aqui no Brasil. Você só deve verificar se o site faz entregas no Brasil, as condições, prazos e preço do frete para o nosso país. Verifique também os impostos e tarifas.

Produtos adquiridos em sites no exterior têm 6,38% de IOF (Imposto sobre Operações Financeiras). Livros, jornais, revistas e remédios (com receita) não pagam imposto assim como produtos de pessoa física para pessoa física. Produtos até US$ 3.000,00 pagam 60% de taxa de importação e acima deste valor pagam uma série de impostos federais e o ICMS (estadual).

Basicamente, eles possuem todos os benefícios que os cartões nacionais oferecem, mas com a vantagem de exclusividades que só um cartão de crédito internacional pode oferecer, como a facilidade de se hospedar em um hotel ou alugar um veículo fora do país sem grandes burocracias.

2 – Compras pelo PayPal

O PayPal é um serviço de meios de pagamentos. Com o PayPal você pode comprar (e vender!) em qualquer site no Brasil e no exterior que aceite este meio de pagamento. Para utilizar o PayPal você precisa se cadastrar no site ou app e informar um número de cartão de crédito. Como o PayPal é um site internacional, aceito em milhares de sites e aplicativos no mundo todo, você precisa de um cartão de crédito internacional.

Com o PayPal você pode fazer compras e ao invés de informar os dados do cartão, autoriza o débito na sua conta. O valor virá debitado na fatura do cartão que você informou. É uma maneira prática e segura de fazer compras pela internet ou por app, em qualquer site do mundo.

3 – Melhores cartões para viajar

Para quem vai viajar para outro país, o cartão de crédito internacional é quase uma obrigação. Ao invés de carregar dinheiro vivo (dólar, euro) você pode levar um ou dois cartões internacionais.

Além de mais prático e mais seguro os cartões internacionais costumam oferecer seguro e serviços em caso de perda, roubo ou extravio. Tudo depende, é claro, da bandeira e do tipo do cartão. Quanto mais caro e “exclusivo” mais vantagens e serviços. De qualquer forma, planeje sua viagem contando com cartões de crédito internacionais e verifique como é a aceitação nos locais que você pretende visitar.

4 – Programas de recompensa

Muitos cartões de crédito oferecem programas de recompensa ou fidelidade. São programas em que cada real gasto é convertido em pontos e estes pontos poderão ser trocados por produtos, serviços ou descontos. Os cartões internacionais costumam oferecer programas de recompensas um pouco mais vantajosos. Geralmente, as compras são convertidas em dólares e cada dólar vale uma quantidade de pontos.

Como são cartões com anuidade mais cara e voltados para um público específico, os programas de recompensa costumam oferecer produtos e serviços mais interessantes que os cartões nacionais.

5 – Anuidade pode ser negociada

Se você tem um cartão de crédito internacional e o utiliza com frequência pode negociar com o banco um abatimento e até mesmo isenção da anuidade. As anuidades dos cartões internacionais costumam ser mais caras que as dos demais cartões. Os bancos sabem disso, mas como o que interessa para os bancos é que você utilize o cartão, os bancos costumam negociar descontos na anuidade.

Cuidados no uso do cartão de crédito no exterior

Todos os benefícios citados acima são realmente muito positivos para quem faz compras no crédito, mas ao viajar para o exterior é importante ter em mente dois aspectos.

Powered by Rock Convert

Seus gastos serão concentrados em um único dia, no fechamento da fatura. Porém, a conversão dos valores será feito com base na cotação da moeda no dia de fechamento, e não nos dias das compras. Por isso, você pode acabar pagando mais do que o planejado.

Além disso, há o IOF (Imposto sobre Operações Financeiras), que é um imposto sob todas as transações financeiras no exterior. Atualmente, esta taxa está em cerca de 6,38% (em cada compra).

Fique atento ao limite

Ao programar sua viagem, antecipe o valor aproximado que você pretende gastar e verifique se o limite do seu cartão permite esses gastos. Vale lembrar que uma vez alcançado o limite do cartão, não é possível usá-lo para mais compras, até o pagamento do fatura.

Compre agora, pague depois

O consumidor pode fazer compras pagar só depois, no fechamento da sua fatura. Com isso, é possível comprar mesmo que você não tenha dinheiro na hora.

Parcelamento

Você pode parcelar o valor das compras em quantas vezes desejar, de acordo com as regras de cada estabelecimento. Com isso, dá para adquirir bens de consumo de maior valor e você pode, por exemplo, comprar móveis para sua casa ou financiar uma viagem com a família.

Segurança

O cartão possibilita que você não ande por aí com grandes quantidades de dinheiro vivo, dando mais segurança no cotidiano. Além de alguns ainda oferecerem o seguro viagem.

Programas de milhas e benefícios para viajar

Há uma grande variedade de programas de benefícios em que você ganha pontos conforme usa o cartão e pode usá-los para trocar por produtos, serviços ou até mesmo por milhas.

Facilidade em compras online

Muitas lojas online já oferecem a opção de pagamento via boleto, mas esse método acaba não sendo prático, já que o cliente precisa pagá-lo em alguma lotérica, por exemplo, e ainda esperar alguns dias úteis para que o pagamento seja confirmado. Além disso, é apenas a partir da confirmação do pagamento é que começa a contar o prazo para a chegada do produto.

O cartão de crédito otimiza esse processo e você recebe o produto mais rapidamente e sem sair de casa.

Quais são as desvantagens de ter um cartão de crédito internacional?

Existem algumas desvantagens como o valor da anuidade que geralmente é mais cara que a dos cartões nacionais e o IOF – Imposto Sobre Operações Financeiras – de até 7% do valor gasto. Isso é cobrado nos cartões internacionais, mas saibam que nem todos cartões internacionais cobram essas taxas e existe uma gama de empresas e bancos que não cobram taxas de anuidade e de operação.

Importante: Avise o banco sobre sua viagem

É importante lembrar de avisar o banco sobre sua viagem, para que suas compras no exterior não sejam interpretadas da maneira errada e o banco ache que seu cartão foi clonado.

Normalmente, dá para avisar o banco pelo telefone ou pelo internet banking.

Cartão de débito no exterior

A função de débito tem as mesmas taxas do crédito, mas a vantagem é que o controle de gastos é muito melhor no débito, já que você sabe exatamente quanto está pagando em cada compra.

Além disso, é possível “carregar” o cartão de débito com o valor que você pretende gastar, facilitando ainda mais o controle das finanças.

Desvantagens do débito no exterior

O cartão de débito não dá a opção de concentrar os gastos em um único dia do mês, não tem programas de recompensas e conta com as mesmas taxas da função crédito (IOF de aproximadamente 6,38%).

Cartões pré-pagos no exterior

Uma opção talvez nem tão lembrada é que, além de levar dinheiro vivo ou cartões de débito ou crédito, você pode optar por usar um cartão pré-pago.

Vantagens do cartão pré-pago no exterior

Conseguir um cartão pré-pago envolve menos burocracia do que um cartão de crédito ou débito. Mesmo assim, você ainda consegue fazer saques, fazer transferências e depósitos, por exemplo, sem necessidade de comprovar a renda.

Essa modalidade é uma boa alternativa para quem gosta de se planejar antecipadamente. Você pode carregar o cartão com o valor que pretende gastar e utilizá-lo, sabendo que, ao chegar ao limite de gastos, não terá mais saldo disponível.

Desvantagens do cartão pré-pago no exterior

As desvantagens do cartão pré-pago são semelhantes às do cartão de débito. Também há a cobrança de IOF (de 6,38%) e não é possível participar de programas de benefícios.

Além disso, você terá que arcar com as taxas de cada serviço efetuado com o cartão em território internacional (saques, depósitos e transferências).

Esperamos que tenha gostado do conteúdo! Fique a vontade para contar suas experiências ou apenas deixar um comentário. Aproveite para tirar dúvidas e sugerir novas pautas e não deixe de conferir os outros artigos do blog com dicas para organização financeira.

Powered by Rock Convert

Comentários

Shares