Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert

Alguma vez você precisou comprovar o seu endereço, tendo de entregar um comprovante de residência, seja para efetuar uma compra ou para realizar uma matrícula, por exemplo? Pois é, com tanta fraude acontecendo pelo mundo, infelizmente, nem sempre a nossa palavra vale, e por isso, às vezes é preciso provar o que estamos dizendo para conseguir credibilidade.

E a sua renda, você já precisou comprovar? Todo mundo já deve ter passado por isso em algum momento também, não é mesmo?! Afinal, para garantir que você vai ter como pagar por determinada aquisição, é necessário que você prove que possui alguma renda para isso. Mas o que significa comprovar renda, afinal?

O que é renda?

Renda é toda fonte de ganho em dinheiro, que você recebe periodicamente. Ou seja, todo o dinheiro que você recebe mensalmente, por exemplo, de alguma fonte segura, é considerado renda. O salário que a empresa paga aos funcionários, o rendimento de uma aplicação financeira, o valor recebido pelo aluguel de um imóvel próprio, uma pensão, enfim, todo dinheiro que entra com frequência no orçamento é considerado renda. Já, todo dinheiro que sai dele, é considerado despesa.

A renda pessoal bruta, por exemplo, pode ser definida como todo o dinheiro que uma pessoa injeta no orçamento (ou seja, recebe). Já a renda líquida, é toda a renda bruta deduzida de impostos e demais gastos fixos mensais, como gastos com custos de vida, por exemplo.

E o que significa comprovar renda?

Muitas vezes, para adquirir um bem de valor alto (como um carro ou um imóvel, por exemplo) é necessário comprovar que você tem condições reais de pagar por ele. Assim também quando você faz algum aluguel, contrata algum serviço, ou faz um empréstimo, você precisa dar evidências de que recebe dinheiro com frequência e que por conta disso, com certeza terá como arcar com essas despesas.

Além disso, há alguns casos, como por exemplo, na abertura de uma conta bancária, nos quais a sua renda vai definir o seu tipo de conta, ou seja, o perfil de cliente ou carteira de clientes que você integrará no banco. Clientes com renda alta costumam receber ofertas de produtos específicos, e, inclusive, recebem atendimento diferenciado.

Portanto, comprovar a renda significa dar uma garantia ao seu credor, de que você possui uma fonte de dinheiro periódico, mas, é importante esclarecer também, que não basta comprovar que tem renda, mas sim o valor da renda. Isso porque, o valor do bem ou serviço que você quer adquirir e para o qual precisa comprovar a sua renda, precisa estar dentro do seu orçamento. Ou seja, se comprovar a renda de um salário mínimo na tentativa de adquirir um carro que custa 500 mil, dificilmente dará certo, pois, a sua renda não assegura o pagamento da dívida.

Powered by Rock Convert

Documentos que servem como comprovantes de renda

O mais comum apresentar o documento que comprova que a empresa paga o seu salário mensalmente. Esse documento é conhecido como holerite. Inclusive, na maioria das situações, ele só vale se for dos últimos três meses a contar da data de apresentação. Mas, isso só vale para empregados com carteira assinada.

Porém, também é possível comprovar renda apresentando comprovantes de recebimento de aluguéis, extratos de rendimentos de investimentos, comprovante de recebimento de pensão, enfim, de modo que não é necessário ter carteira assinada para comprovar renda. Trabalhadores informais e empreendedores possuem uma gama de opções para comprovar suas rendas também, através de extratos bancários, contracheques, notas fiscais emitidas ou até mesmo declarações de imposto de renda.

Lembre-se sempre de tomar cuidado com os documentos que você apresenta, com os locais onde os apresenta. Pois, algumas instituições mal intencionadas, podem tirar proveito dessa informação e ficar tentando empurrar produtos e serviços que você não precisa, simplesmente por saber que você tem uma renda alta e pode pagar por eles. Ou, em casos piores, se pessoas mal intencionadas tiverem acesso à essa informação, poderá ser perigoso para você e sua família.

E tome cuidado também com a veracidade das informações que apresenta, pois, caso comprove uma renda que não recebe, poderá ter problemas com a justiça caso não consiga arcar com as despesas e a instituição descubra que fraudou o comprovante. Além do que, obter dívidas que não poderá pagar é uma grande irresponsabilidade com o bem estar pessoal e da família, e é claro: é dor de cabeça garantida.

Em resumo, comprovar renda significa dar uma garantia de que você terá como pagar por despesas adquiridas, assegurando que você tem de onde tirar o dinheiro, e também, para provar que você recebe o valor que informou receber.

Interessante não? Então se você curtiu o post, deixe seu comentário e ficaremos muito satisfeitos por trazer matérias cada vez mais interessantes aos nossos leitores!

Powered by Rock Convert

Comentários

Shares