Powered by Rock Convert

Por conta da onda de incerteza econômica que assola o nosso país, muitos investidores se perguntam se o investimento no CDB da Caixa é um bom negócio.

Nós, da Juros Baixos, resolvemos te ajudar e responder às suas perguntas. Confira o texto a seguir, e conheça um pouco mais sobre esse tipo de aplicação financeira, e todos os benefícios e riscos que estão atrelados à mesma.

Se você ainda é um pequeno investidor que está começando a dar os primeiros passos no mundo do mercado financeiro, temos certeza que o CDB da Caixa vai interessá-lo.

O que é CDB?

O Certificado de Depósitos Bancários, mais conhecido popularmente como CDB, é um tipo de investimento de renda fixa em que devemos conceder determinada quantia para o banco por um prazo pré-estabelecido entre ambos.

Após o término desse período, o banco nos retorna esse dinheiro com um adicional de juros, e assim através desse “empréstimo” temos o rendimento financeiro do investimento.

Normalmente, para se obter um bom retorno financeiro aplicando dinheiro nos CDBs de grandes bancos é necessário realizar um investimento inicial com valor bastante elevado, e deixá-lo na aplicação durante um longo período.

Existem dois tipos de títulos de CDB: os prefixados, e pós-fixado. No primeiro caso, no momento do investimento você sabe qual a rentabilidade irá receber no final do prazo, como 15% ao ano.

Na segunda situação, não se sabe o rendimento da aplicação, pois depende do cenário econômico do país, já que o título pós-fixado rende de acordo com o percentual do CDI.

Os dois casos possuem suas particularidades, e sua escolha dependem da sua situação. Pois, o prefixado garante previsibilidade, mas com o pós-fixado se pode ganhar mais, dependendo do rendimento.

Como funciona o CDB da Caixa?

O banco Caixa oferece três tipos de investimento, são eles:

  • CDB Progressivo: Esse CDB é pós-fixado e o seu rendimento varia de acordo com o percentual do CDI. Essa aplicação possui um retorno proporcional ao período da aplicação financeira. Ou seja, quanto mais o tempo passa, maior é o montante recebido.
  • CDB Flex: Nele o rendimento é dado a partir do percentual do CDI, e seu rendimento ocorre diariamente, assim como sua liquidez. Assim, esse tipo é um exemplo de um CDB pós-fixado. Veja como funciona: Caso a rentabilidade do CDB seja 80% do CDI, e o mesmo tenha ficado em torno de 8%, o percentual do CDB será de 6,4%.
  • CDB Prefixado: Nesse caso a rentabilidade é prefixada. E você pode saber quanto irá receber a partir do momento de assinatura do contrato. Veja como funciona: Caso a rentabilidade seja em torno de 10% ao ano, assim será durante todo o período de vigência da aplicação financeira.

Quanto rende a CDB comparado a outros investimentos?

  • Poupança x CDB

Em relação à poupança, o CDB possui um rendimento muito maior, esse sendo muitas vezes equivalente ao dobro da remuneração da caderneta da poupança.

Junto a isso, e visto que os dois possuem quase o mesmo risco, o CDB torna-se de longe a melhor opção de investimento

Sem falar que, como muitos sabem, a poupança leva muitas vezes o investidor a perder dinheiro, já que seu retorno financeiro pode ser menor até mesmo que o valor da inflação.

  • Tesouro Direto x CDB

No caso do tesouro direto, que juntamente com o CDB são os mais populares investimentos da renda fixa, para compará-lo é necessário analisar algumas variáveis como: liquidez e custos.

Quanto à liquidez do investimento, o tesouro direto apresenta essa quase que imediata, mas alguns CDBs só podem ser retirados após um período pré-determinado, e caso haja necessidade de haver resgate antecipado, o investidor acaba perdendo dinheiro.

Em relação aos custos, no tesouro direto é necessário fazer o pagamento de uma taxa emitida pela Bolsa de Valores, e no CDB algumas instituições financeiras apresentam custos para realizar as intermediações e transações.

Além disso, as duas aplicações necessitam do pagamento do IR e IOF.

Mas, em geral a situação é a seguinte: somente em casos em que o retorno financeiro do CDB for maior que 100% do CDI, como em bancos menores que podem atingir de 100% até 104% dessa taxa, o CDB se torna uma melhor opção.

Qual o risco de uma aplicação financeira CDB?

Quanto ao risco, muitas pessoas consideram o CDB um tipo de aplicação financeira tão segura quanto a poupança, e isso é verdade, visto que o risco de perder o seu dinheiro vai ocorrer apenas se o banco no qual você tiver cedido o dinheiro quebrar.

Por isso, esse risco de crédito é maior em bancos menores, visto que a possibilidade de ocorrer sua falência é bem maior do que em um banco como a Caixa. Não é à toa que a taxa de rentabilidade de um banco pequeno é maior, devido ao seu risco.

A aplicação financeira no CDB caixa é indicada para pequenos investidores que estão iniciando no mercado financeiro, por conta da sua simplicidade, e segurança proporcionada.

Pois, respondendo a sua pergunta, a rentabilidade do CDB da Caixa é um pouco maior que a poupança atualmente. No entanto, no mercado financeiro há outros tipos de investimentos que proporcionam um retorno financeiro muito mais elevado.

Se você já investe em algum fundo de investimento ou quer começar agora, comente aqui embaixo o que achou do artigo!

Powered by Rock Convert

Escrever comentário

Shares