Powered by Rock Convert

Você sabe o que significa D+1? Quando alguém diz isso, muitas vezes ficamos sem entender o que exatamente a pessoa quer dizer, não é mesmo? E se for referente a data de vencimento de algum pagamento que precisamos realizar, por exemplo, bom, é melhor tentar entender direitinho, afinal, ninguém quer pagar juros ou receber uma cobrança por ter atrasado um pagamento. Certo?

Então veja aqui mais um artigo preparado para esclarecer suas dúvidas, e entenda mais sobre mais essa sigla financeira!

É importante entender todas as siglas e jargões financeiros, para não cometer nenhum erro que impacte no seu bolso.

O que significa D+1?

D+1 é uma sigla que indica uma data relacionada a algum trâmite financeiro, como por exemplo, o prazo de alguma compensação bancária (como a compensação de um cheque, o crédito de um DOC, ou quando você poderá sacar o dinheiro de uma aplicação, por exemplo). Em resumo, essa sigla significa o prazo para que uma transação bancária seja concretizada.

Então, o que significa D+1? Significa que a transação financeira em questão será efetuada no dia seguinte após a entrada da solicitação.

Por exemplo, no caso do resgate de uma aplicação, você só poderá sacar o valor um dia após a solicitação de resgate. Da mesma forma, um DOC é creditado na conta em D+1, ou seja, um dia após o dia de efetuar ao envio do DOC. Assim também com D+2, D+3, D+4, enfim, significa que somente 2, 3 e 4 dias respectivamente, após a solicitação da transação, a mesma será concretizada.

Powered by Rock Convert

Outro ponto importante é que os dias demonstrados nessa sigla de prazo, sempre correspondem a dias úteis. Ou seja, se a sua transação possui prazo D+1 e o D (dia atual em que a transação está sendo solicitada) for uma sexta-feira, significa que a transação será concluída na próxima segunda-feira, pois, sábado não é dia útil.

Por que há esses prazos para conclusão das transações?

A grande maioria das transações requer tempo para que seus trâmites sejam concluídos. No caso da compensação de um cheque, por exemplo, é necessário que o banco emissor do cheque seja comunicado sobre a solicitação da compensação, depois a assinatura e demais dados do cheque são conferidos e o saldo da conta do emissor do cheque é verificado para ver se há condições de cobrir o valor do cheque.

E somente após todos esses trâmites é que o dinheiro é retirado da conta do emissor e enviado para a conta do destinatário, e finalmente, a transação é concluída.

As siglas que demonstram prazo (D+0, D+1, D+2, D+3, etc.) são muito comuns principalmente em fundos de investimentos, tanto no que diz respeito à aplicação quanto ao resgate. Pois, o dinheiro que está lá é aplicado em outros investimentos, e por isso, é necessário um prazo para que o investidor possa sacar o valor investido, devido o administrador do fundo precisar vender as aplicações para então poder devolver o dinheiro ao investidor.

A importância de prestar atenção nos prazos

É importante prestar atenção nos prazos de conclusão e resgate das transações financeiras que pretende executar. No caso de aplicações, redobre a atenção, pois, alguns investimentos só permitem que o resgate ocorra alguns dias depois de solicitá-lo, o que pode atrapalhar seus planos caso você precise de dinheiro imediatamente.

Em compensação, há outros tipos de investimentos que possibilitam que você os resgate no mesmo dia. Esses casos possuem o prazo D+0, ou seja, significa que a transação será concluída no mesmo dia em que está sendo solicitada.

Esse prazo é o que determina o que se chama liquidez do fundo de investimento. Liquidez é o nome dado à facilidade em transformar as suas cotas em dinheiro, e dependendo do tipo de ativo em que o fundo investe, e também da sua estratégia, esse prazo pode ser maior ou menor.

Na maioria das vezes, o risco de liquidez acaba sendo ignorado pelos investidores do tipo pessoas físicas, seja por falta de conhecimento ou por descuido mesmo. E isso, pode acabar causando surpresas desagradáveis, uma vez que há o risco de precisar do dinheiro, e descobrir que seu fundo só poderá depositar seu dinheiro dentro de um mês, por exemplo. Imaginou que problemão?

Por isso, é bom estar atento, pois, nunca se sabe quando um imprevisto ocorrerá e será necessário sacar o dinheiro. Então procure entender bem o que significa essas siglas de prazo.

É importante prestar atenção nos prazos em que as suas transações financeiras serão concluídas, para não ter problemas.

Agora que você já sabe o que significa D+1, fique atento quanto às siglas de prazo que lhe são informadas em seus trâmites financeiros! Afinal, deu para perceber a importância que elas têm para quem tem pressa com suas transações, não é mesmo?

E não se esqueça de deixar os seus comentários aqui! É muito importante sabermos a sua opinião sobre o post!

Powered by Rock Convert

Comentários

Shares