Está na dúvida sobre comprar um carro à vista ou financiado? Confira nossas dicas antes de optar por uma forma de pagamento.

Comprar um carro à vista quando se tem o valor completo do veículo é sempre a melhor vantagem.

Comprar um carro é um sonho de todos os brasileiros. Quem possui um veículo a seu dispor ganha em mobilidade para diversas tarefas particulares e também profissionais, além de ter mais autonomia para fazer passeios, viagens e se divertir mais com a família e os amigos.

Na última década, um dos fatores que fez as vendas de veículos aumentam no mercado é a redução do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) para a venda de automóveis. Com a redução do IPI, qualquer cidadão passou a querer e ter mais possibilidades de comprar o seu carro com descontos e através de diversos formas de financiamento.

Esse incentivo deu tão certo para as concessionárias e montadoras de veículos baterem recordes de vendas de veículos novos e também usados, muito por conseguirem estimular os clientes a comprarem um carro através de descontos e outras vantagens.

Powered by Rock Convert

Mas é preciso ficar atento, até por que escolher um modelo de carro para comprar é a parte mais fácil do processo. Porém, deslumbrados pelas vantagens, os consumidores não dão atenção a diversos aspectos importantes. Comprar um carro novo com IPI reduzido se tornou mais importante do que considerar as condições de vendas, as taxas de juros e outros encargos operacionais que comprometem sua renda.

É melhor financiar um carro ou comprá-lo à vista?

Nesse cenário, essa é a pergunta mais realizada pelos consumidores. Se a pessoa já tem um dinheiro reservado ou aplicado em qualquer tipo de investimento, não precisa ter dúvidas, é simples: compre o carro à vista, essa é a melhor forma de adquirir um veículo, por poder ter maior possibilidade de negociação e conseguir descontos maiores.

Fora que a compra de um carro à vista gera a eliminação de uma série de encargos embutidos nas parcelas do financiamento como o IOF (Imposto sobre Operações Financeiras). Se você não tem o dinheiro completo para comprar o veículo, pode optar pelo financiamento mais vantajoso, basta ficar atento aos detalhes da operação.

Taxas Proibidas

O Banco Central do Brasil (BC) suspendeu a cobrança de taxa de abertura de crédito (TAC), exceto as concessionárias, é comum encontrar essa taxa atrelada ao custo do veículo, com nomes diferentes mas com o mesmo efeito.

Outro problema é o carnê do financiamento, muitos boletos continuam sendo impressos com a Tarifa de Emissão de Carnê (TEC), outra taxa suspensa pelo BC a muito tempo. A nossa dica é entender o que é mais vantajoso no momento da compra do carro: se é o financiamento total, financiamento parcial com entrada, financiamento com 50% do valor de veículo dado na entrada ou a compra do carro à vista.

Outro ponto importante para comprar um carro, independente do veículo ser comprado à vista ou financiado é ter uma noção precisa do valor que vai sobrar no seu orçamento para manter o carro. Não se esqueça que um carro gera custos com periodicidade recorrente como combustível, manutenção periódica, impostos anuais e seguro auto.

Powered by Rock Convert

Comentários

Shares