Antes de começar qualquer empreendimento, é fundamental se preparar e conhecer as opções que existem no mercado. 

Sendo assim, se você tem o desejo de trabalhar com seguros, precisa conhecer as franquias que oferecem esse serviço. A seguir, explicamos melhor como elas funcionam, o mercado e suas vantagens. 

Entenda o que é uma franquia de seguro

Uma franquia de seguro é uma boa opção para quem quer atuar no ramo. Mas antes de realizar qualquer tipo de investimento, é necessário conhecer esse modelo de negócio e como ele funciona. 

Sendo assim, saiba que uma franquia é um tipo de negócio em que há a reprodução de uma marca em novas unidades. Ou seja, a empresa principal oferece aos seus investidores, chamados de franqueados, o direito de uso da marca. 

Com isso, eles podem abrir suas unidades em locais diversos, seguindo o que a franquia já faz. Logo, existe toda uma homogeneidade entre essas unidades, que devem manter o padrão de qualidade da marca. 

Nesse sentido, um investidor não precisará desenvolver nada do zero, já terá como base um plano de negócios que já foi testado. Além de contar com o reconhecimento e experiência de uma marca que atua no mercado.

Dessa forma, uma franquia para vender seguro nada mais é do que uma empresa especializada na venda de seguros. 

Então, para quem pensa em investir, existem muitas opções de negócio. Por exemplo, entre marcas conhecidas no mercado existem a Quisto Corretora de Seguros, a Seguralta e o Grupo Life. 

Produtos e serviços para vender com franquia de seguro

Foto da mão de uma pessoa assinando um contrato com uma chave de casa ao lado. Imagem ilustrativa para texto franquia de seguro.
Ao trabalhar com seguros, você pode vender vários tipos de proteção.

Além de entender como funciona uma franquia de seguro, você também precisa conhecer os tipos de serviços que podem ser oferecidos nesse tipo de negócio. 

Ao falar em franquia de seguro, o primeiro tipo de serviço que vem em mente são os seguros, não é? Pois é, em uma franquia do ramo é possível vender diferentes tipos deste serviço. 

Desse modo, é possível alcançar pessoas físicas e jurídicas, com as mais diversas proteções. Existem seguros de vida, seguro residencial, o famoso seguro auto e também seguro empresarial. 

Além disso, há seguros para máquinas e equipamentos, seguro de garantia contratual, seguro condomínio, o de responsabilidade civil e muito mais. Ou seja, é possível alcançar diversos públicos. 

No entanto, um corretor de seguros não precisa focar apenas nesses serviços. Isso porque, empresas do ramo já trabalham com outros tipos de produtos, como os financeiros. 

Sendo assim, você também pode trabalhar com financiamentos, seja para automóveis ou imóveis, além de crédito consignado, empréstimos, consórcios e mais.  

Outra opção bem interessante é oferecer serviços voltados para a saúde do cliente, como os planos de saúde, sejam eles empresariais ou individuais. O mesmo vale para planos odontológicos. 

Ainda, há opções de previdência privada que podem ser interessantes para várias pessoas. Logo, é possível notar que há várias possibilidades de serviços a oferecer e que alcançam pessoas e demandas diferentes. 

Vale a pena abrir negócio no ramo de seguros?

Depois de entender mais sobre uma franquia de seguro e seus serviços, é essencial que você conheça mais sobre o mercado antes de fazer qualquer investimento. Afinal, só assim você saberá se essa é uma boa opção para seus objetivos. 

Desse modo, saiba que as franquias de seguro fazem parte do segmento de Serviços e Outros Negócios no franchising nacional. Esse é um segmento bem diverso e que vem apresentando números positivos. 

Por exemplo, em 2020, de acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), o setor teve um faturamento de R$ 26,6 bilhões. Mesmo em um ano de crise, as franquias mantiveram seu bom desempenho. 

Ao mesmo tempo, não podemos nos esquecer que estamos falando de serviços que alcançam um grande público. Afinal, é possível vender tanto para pessoas físicas, como para empresas. 

Inclusive, devemos considerar que os seguros são serviços que estão em alta. Em 2020, de acordo com a Superintendência de Seguros Privados (Susep), a busca por seguros teve uma alta de 11,4%. 

Foto de um homem com celular e computador analisando dados.
Antes de fazer investimentos, é ideal pesquisar sobre o mercado, tendências e crescimento de setores.

Ao mesmo tempo, como estamos falando em franquia, não podemos desconsiderar as vantagens que esse modelo oferece. Isso porque, uma franquia tende a ser mais segura do que começar algo do zero. 

No franchising, você abrirá uma unidade seguindo todo o know how e recomendações de uma marca que já está no mercado. Ou seja, terá como base um plano de negócios que foi testado e passou por melhorias.

Nesse sentido, você terá acesso a treinamentos que vão lhe preparar para a operação, além de suporte constante em várias áreas. As franqueadoras costumam oferecer apoio em marketing, jurídico, vendas e mais. 

Como abrir uma franquia corretora de seguros?

Depois de conhecer uma franquia de seguro, você precisa ter noção de como funciona o passo a passo para abrir uma unidade. Assim, já tenha em mente que é preciso ter cuidado e pesquisar. 

O primeiro passo é entender qual seu perfil de empreendedor e que tipo de negócio você teria prazer em atuar. Isso porque, além de diferentes segmentos, você também pode optar por franquias home office, de loja física e afins. 

E claro, para que você tenha um bom desempenho no dia a dia, é fundamental estar envolvido com algo que goste e  tenha interesse. Um negócio próprio irá exigir muita dedicação, não se esqueça. 

Em seguida, faça uma pesquisa para conhecer melhor as marcas disponíveis no mercado. Existem muitas opções e você pode encontrar aquela que se encaixa nos seus objetivos e que oferece uma parceria favorável. 

Por isso, procure com cuidado para entender como a franquia funciona e também como ela é avaliada pelos clientes. Sendo assim, tente encontrar avaliações e comentários que vão lhe ajudar a entender a reputação daquela marca. 

Ao encontrar uma marca que lhe interesse, entre em contato, tire suas dúvidas e preste atenção a todas as informações antes de assinar qualquer contrato. 

Se você precisar de dinheiro para abrir o negócio, pode optar por um empréstimo. Uma dica é usar um simulador de empréstimo, para conferir e poder comparar várias opções de crédito de uma só vez.

Agora você conhece mais sobre franquias de seguros. Mas não nos deixe ainda! Saiba um pouco mais no nosso artigo sobre franquia home office: vale a pena abrir um negócio em casa?.

Comentários