Powered by Rock Convert

A resposta é: Sim!

A Trigg é uma fintech emissora de cartão de crédito. Chama a atenção por um sistema de cashback no qual você  recebe de volta uma parte do dinheiro gasto nas faturas. O cashback pode variar de 0,55% a 1,3% do valor da sua fatura, podendo compensar o valor da anuidade do cartão. Sim, infelizmente o cartão Trigg cobra anuidade e é importante fazer as contas para saber se o valor médio a ser recebido pelo cashback compensa a anuidade cobrada. São 12 parcelas de R$9,90 (anuidade de R$118,80), com isenção nos três primeiros meses e, usando o simulador no site da Trigg, podemos perceber que, com gastos mensais em torno de R$1450, o cartão Trigg passa a ‘se pagar’.

É importante ficar de olho nas taxas de juros! Mas não se preocupe, nós do Juros Baixos pesquisamos todas as informações pra você. No cartão Trigg os juros do rotativo são de 15,9% ao mês e os juros parcelados (caso você não pague o valor total da fatura) variam de 10,9% a 13,9% (dados de Junho/2017).

O processo para pedir seu cartão é todo pelo app, basta se cadastrar, enviar uma selfie e uma foto dos seus documentos.A avaliação é feita na hora, e, se aprovado, você já pode usar o seu cartão virtual em compras online.

Programa Triggers

O valor do cashback resgatado mensalmente será liberado em até 72hs após o pagamento da fatura, e você pode usar ele para causar um impacto social com o programa Triggers (confira aqui: http://www.triggers.com.br/).

História

A Trigg é uma fintech: uma união entre empresas de tecnologia e mídia digital com uma financeira. Essa união proporciona mais agilidade e eficiência para os consumidores que necessitam um empréstimo.

A empresa começou suas operações em setembro de 2015, fundada pelo engenheiro de computação Guilherme Muller, e desde então já realizou mais de 20 mil empréstimos,

O nome vem de Trigger, palavra que em inglês significa “gatilho”. Portanto, a empresa tem como objetivo ser o ponto de partida, o pontapé inicial para uma nova fase, novos projetos e oportunidades, ajudando sues clientes a prosperar usando o crédito.

Bancos parceiros

A Trigg não é uma instituição financeira, mas sim um correspondente bancário da Omni S/A Crédito, Financiamento e Investimento.

Ou seja, a Trigg, por si só, não é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central. Por isso, ela precisa de alguma instituição autorizada a funcionar para que, de fato, operacionalize os empréstimos. Os correspondentes bancários são empresas contratadas por instituições financeiras autorizadas pelo Banco Central do Brasil para a prestação de serviços de atendimento aos clientes e usuários dessas instituições. A atividade de correspondente bancário é uma atividade regulada pelo Banco Central do Brasil, nos termos da Resolução nº. 3.954, de 24 de fevereiro de 2011.

Alguns dados extras

Nome: Trigg Tecnologia Ltda

CNPJ: 23.069.520/0001-56

Endereço: Al. Vicente Pinzon, 173, 3° andar – Vila Olímpia, Município de São Paulo, Estado de São Paulo, CEP: 04548-005

Email: atendimento@trigg.com.br

Reputação no Reclame aqui

O Reclame Aqui é um site que conecta consumidores insatisfeitos a empresas, que tentam resolver as reclamações desses consumidores a fim de reaver sua reputação na internet. Através do site, qualquer pessoa pode comparar como as empresas se comportam e se é uma boa ideia fechar negócio com elas.

Assim, é sempre uma boa ideia dar uma passada lá e conferir a reputação da empresa com a qual você pretende contratar empréstimo.

A Trigg aparece como não recomendada segundo o índice de reputação no site. Das 78 reclamações apresentadas, 75 foram respondidas, mas apenas 45.5% foram resolvidas. Apenas 31.8% dos clientes que reclamaram voltariam a fazer negócio com a Trigg. Dê uma olhada no quadro abaixo:

Cuidado com Fraudes!

Nenhuma empresa séria solicita depósito para liberação de crédito! Nenhuma! Nunca confie em sites que exigem que você deposite “taxas cartoriais”, ou que peça dados do cartão de crédito para “ter uma garantia”. São estelionatários.

Porém, é comum que diversos documentos sejam solicitados por diversos sites confiáveis. Alguns deles são:

  • RG ou CNH
  • CPF
  • Comprovante de Residência (com menos de 90 dias)
  • Comprovante de Renda (holerite, contracheque, extrato bancário, etc)
  • Contrato emitido pelo próprio site (você deverá assinar)

A própia Trigg faz um alerta em seu site:

trigg é confiável

Conclusão

A equipe do JurosBaixos considera que a Trigg é confiável. As plataformas de empréstimo online tendem a crescer bastante no Brasil, dando mais agilidade nos pedidos de empréstimo e nas análises de risco. O aumento da concorrência e a diminuição dos custos com agências físicas tendem a diminuir as taxas de juros, beneficiando bastante a vida dos consumidores.

Só tome cuidado para não ser enganado por criminosos que finjam ser da empresa, mandando e-mails suspeitos ou usando sites falsos. Sempre confira se os e-mails ou sites terminam com “trigg.com.br”

Powered by Rock Convert
Author

Economista pela FGV-RJ e assessor de investimentos (CPA-20). Apaixonado por educação financeira e microfinanças, é cofundador do jurosbaixos.com.br, site de comparação de crédito e portal de educação financeira. Em seu canal do youtube, explica o básico de finanças para leigos (youtube.com/jurosbaixos).

3 Comments

    • Lereno Soares Reply

      Oi, Glaucia! O que acontece quando você faz a simulação?

  1. Pingback: Crédito para Empresas na Omni – Como Pegar? - Área de conhecimento - Melhore a sua saúde financeira - JurosBaixos

Escrever comentário

Shares