Powered by Rock Convert

O Score é uma pontuação de crédito que as empresas utilizam para avaliar seu cadastro. Entenda como é calculada sua pontuação do score e como ela pode influenciar na obtenção do crédito.

Quantas vezes você teve o crédito recusado na hora de realizar uma compra ou um empréstimo financeiro por conta da sua pontuação no Score estar baixa? As empresas que fornecem o crédito utilizam esse serviço para rastrear seu histórico financeiro, assim decidem se vão ou não liberar o crédito solicitado.

Saiba que estar com o nome limpo nem sempre quer dizer que seu crédito será liberado, pois são várias as informações que as instituições avaliam. Conheça sua pontuação e entenda como ela é calculado o Score, para não passar mais sufoco na hora de suas compras!

Saiba como é calculada sua pontuação no Score

Essa contagem de pontos é feita convertendo informações em números que, combinados, formam uma pontuação que passa a ser uma medida de qualidade. O processo tem medidores estatísticos que qualificam o pretendente em bom ou ruim.

A decisão de aceitar ou rejeitar o pedido de crédito é tomada comparando a probabilidade do indivíduo honrar ou não o compromisso.

Moeda2.jpg
Conheça sua pontuação no Score

Fatores que podem influenciar em sua pontuação no Score

Por meio de histórico financeiro e através de técnicas estatísticas, o programa de crédito identifica fatores que podem influenciar na contagem de pontos e na qualidade do crédito a ser contratado. O objetivo é estimar a probabilidade de o cliente tornar-se ou não inadimplente.

A instituição financeira faz uma ponderação de todos os fatores gerando um número que pode variar de 0 a 1000 pontos, e dependendo da média obtida vai decidir se libera ou não o crédito solicitado.

Cada informação tem um peso, sendo que algumas podem influenciar mais e outras menos. Confira agora quais são as informações que os credores utilizam para o cálculo dos pontos.

1. Dados pessoais

Os dados pessoais são legalmente oferecidos pelo cliente na hora de suas solicitações de crédito, como dados de identificação.

CPF (Cadastro de Pessoa Física): o documento é solicitado para verificar se existem registros de inadimplência em seu nome. Se tiver alguma dívida ou excesso de consulta no seu CPF, a sua média de pontos pode diminuir.

Endereço: devido ao perfil da região onde você mora como, por exemplo, mercado de trabalho ou índice de inadimplência na região, sua contagem de pontos pode diminuir, pois esses fatores também são levados em conta.

Idade: estatisticamente, os consumidores mais velhos têm menos probabilidade de descumprimento de suas dívidas do que aqueles mais jovens, por isso, os mais jovens podem ser considerados propícios a não quitar suas dívidas.

2. Histórico Financeiro

Além de seus dados pessoais, ter um bom histórico financeiro pode ajudar muito na hora da obtenção de crédito. Fique atento a estes fatores, eles podem estar baixando sua pontuação!

Acúmulo de dívidas: gastar sem planejamento pode resultar em acúmulo de dívidas ao longo da vida. Na hora de calcular a pontuação de crédito, dívidas existentes serão consideradas . Financiamentos, empréstimos e contas em cartões de crédito serão usados para medir essa contagem de pontos.

Busca constante de crédito: quando o consumidor tem muitas consultas de crédito, elas ficam registradas gerando um histórico dos últimos 90 dias. Quando você faz muitas consultas tentando obter crédito, pode significar que está “atirando para todos os lados” , e assim pode ocorrer a queda dos seus pontos.

Histórico de atraso de pagamentos e parcelamentos: pagar suas contas em atraso pode ser um sinal de que sua vida financeira não vai bem, e isso pode ser um empecilho na obtenção do crédito. Negocie dívidas antigas antes de fazer outras novas e não faça dívidas maiores do que você pode pagar.

Negativação em serviços de proteção ao crédito: quem tem ou já teve o nome sujo encontrará mais dificuldade para obter crédito no mercado, pois uma dívida contraída no passado pode ficar no seu histórico e comprometer sua contagem de pontos.

Como aumentar sua pontuação no Score

Com as dicas do Juros Baixos, você pode começar hoje mesmo a alavancar o seu placar!

Limpar o histórico de consulta do CPF

O ideal é não ficar tentando obter crédito a todo o momento, pois isso pode levar a um declínio dos seus pontos. Peça a limpeza do histórico de consultas do seu CPF nos pontos de atendimento do SPC ou SERASA.

Limpe seu nome

Monitore constantemente seu nome (CPF) e mantenha-o limpo, pois com o nome sujo, dificilmente conseguirá que seu cadastro seja aprovado.

Nunca atrase o pagamento de contas e faturas

Mantenha suas contas sempre em dia, pois pagar atrasado pode ser um sinal de inadimplência.

Mantenha dados cadastrais como endereço e CPF atualizados na Serasa

Quanto mais exatas forem suas informações, mais confiável será seu cadastro.

Abra seu cadastro positivo de bom pagador

Recomendamos o cadastro positivo aos consumidores que sempre pagam suas contas em dia como, água, luz, gás, etc. Caso contrário, o cadastro pode ser negativo.

Atenção!

Existe uma pontuação mínima que o cliente precisa ter para ser aprovado. Quanto mais recentes forem as informações negativas, menor será a evolução alcançada. Por isso, mantenha seu histórico financeiro em dia e aumente sua pontuação no Score!

Se você gostou das infromações aqui disponíveis não deixe de compartilhar esse texto nas redes sociais!

Além disso, curta nossa página no facebook para não perder nenhuma novidade nossa!

Até mais!

Powered by Rock Convert

Escrever comentário

Shares