Author

Beatriz Contelli

Browsing

Segundo a Bloomberg, empresa de tecnologia e dados, a Amazon está desenvolvendo um wearable, dispositivo que pode ser usado como peça de roupa ou acessório, que tem por objetivo ler as emoções dos usuários. A intenção, de acordo com a companhia, é entender o humor e estado de saúde dos seus clientes. Tendo acesso aos sentimentos das pessoas, a Amazon conseguirá refinar a sugestão de produtos. O wearable pode servir para avisar outras pessoas, incluindo a empresa, sobre seu humor. O dispositivo será capaz de discernir o estado emocional do usuário a partir do som da voz. Para o futuro, a expectativa é que o aparelho consiga aconselhar o indivíduo a interagir de forma mais eficaz com os outros. Batizado de Dylan, o projeto ainda não tem estágio de desenvolvimento declarado oficialmente e muito menos data de lançamento.

Conhecida como “Uber dos ônibus”, o aplicativo Buser vai dar 10 mil viagens gratuitas como forma de “desgustação” do serviço. A startup espera aumentar sua base de usuários no sudeste e sul do país, incluindo Rio de Janeiro, Florianópolis, São Paulo, Belo Horizonte e Curitiba. Para conseguir a gratuidade, é necessário se cadastrar no site da Buser, entrar em um grupo de viagem já formado ou criar o seu próprio. Deve-se ter em mente o destino e data de ida e volta, além de atingir o número mínimo de viajantes. A promoção vale até às 23h59 desta sexta-feira (24) ou até as cinco mil vagas acabarem. Trajetória Fundada em 2017, a startup conecta passageiros a operadoras de ônibus com o argumento de que viagens intermunicipais e interestaduais reservadas pela plataforma saem mais baratas do que passagens compradas em rodoviárias. Recebeu aporte de grandes empresas como Canary, iFood e Yellow Ventures. É alvo de…

Durante o evento Facebook Marketing Summit, que aconteceu nesta terça-feira (21), o WhatsApp receberá anúncios no status a partir de 2020. Semelhante aos stories no Instagram, as propagandas devem ser exibidas em tela cheia entre as publicações dos usuários. Além desta novidade, o WhatsApp Business terá mensagens mais sofisticadas, será possível ver prévias de documentos recebidos, antes de abri-los, e os catálogos dos produtos do Facebook serão integrados ao mensageiro, a fim de melhorar a experiência de compra entre cliente e empresa. https://twitter.com/MattNavarra/status/1130811380590895104 O novo recurso estará disponível tanto no Android quanto no iPhone. O post contará com um símbolo, para indicar que o post é patrocinado, e uma seta, para caso do usuário se interessar e querer entrar no link do anúncio. Rondam rumores que futuramente sejam colocados anúncios no meio da lista de contatos, porém, para não atrapalhar a experiência do usuário, isso será feito de maneira discreta.

Nesta semana, os clientes do Nubank receberam uma atualização do contrato de uso do serviço oferecido pela instituição. O documento dá pistas que novas alterações serão realizadas, o que pode significar novos recursos e opções na NuConta. As mudanças no contrato indicam que a fintech pode adicionar mais opções na função de débito. Há expectativa na possibilidade de fazer compras e pagar boletos, além de incluir créditos no celular e efetuar transferências em outras plataformas. Também será possível adquirir produtos emitidos por empresas do grupo do Nubank, caso o cliente opte por isso. Para compras online, o cartão de débito poderá ser uma alternativa, de acordo com a disponibilidade dos estabelecimentos. Serviços atuais da NuConta Transferências gratuitas e ilimitadas Rendimento maior que a poupança Função débito Saque (com taxa de R$6,50) Recentemente, a instituição abriu um escritório no México e iniciou sua internacionalização. Lançou a ferramenta “Guardar dinheiro”, com a intenção de…

O Instagram, rede social com mais de 1 bilhão de usuários, se tornou mais que uma rede social para compartilhamento de fotos. Hoje, a plataforma conta com 25 milhões de perfis voltados para o comércio, sejam lojas, vendedores de serviços e pequenos comerciantes. De acordo com dados de 2017, mais de 200 milhões de pessoas visitavam no mínimo um perfil de negócios na rede. Mais da metade dos usuários descobrem novos produtos pela plataforma, mas não há estimativa de quanto dinheiro esse comércio movimenta. Ao passo que as compras pelo Instagram aumentam, o número de fraudes também. Em pesquisa realizada pelo PayPal, quase 2,5 mil internautas que compraram na internet, revelam que 60% deles já ouviram relatos de amigos ou familiares que foram vítimas de fraudes na internet. Produtos que não chegam ou não condizem com o anúncio têm sido constantes nos relatos de fraudes. Diante disso, o Instagram afirmou que todas…

Há menos de um mês atrás, o Magazine Luiza havia comprado a loja de artigos esportivos, porém, a Centauro, empresa do mesmo ramo, apresentou uma proposta com valor 40% superior ao ofertado pela varejista, em torno de US$2,80 por ação. Enquanto o acordo entre Magazine Luiza e Netshoes estava em 62 milhões de dólares, com a Centauro, a compra de todas as ações representativas do capital social da loja é de aproximadamente 87 milhões de dólares. A aprovação da aquisição foi unânime pela SBF. Às 11h30 desta quinta-feira, as ações da Netshoes em Nova York tinham alta de 42,86%, o que contribui com movimentações de alta volatilidade. O Cade, Conselho Administrativo de Defesa Econômica, aprovou a aquisição pelo Magazine Luiza. Antes de formalizar a venda, a Netshoes se desfez da operação no México e na Argentina. Em 2017, a companhia abriu seu capital na bolsa de Nova York, precificando suas ações em…

Nesta quarta-feira (22), a Natura, empresa de cosméticos, confirmou a aquisição da Avon, por meio de uma operação de troca de ações. Com a compra, a companhia se torna o quarto maior grupo exclusivo de beleza do mundo. Após a transação, será criada a Natura Holding, espécie de empresa que detém posse majoritária de ações de outras empresas. Os acionistas da Natura ficarão com 76%, enquanto os da Avon terão cerca de 24%. O valor da Avon é estimado em 3,7 bilhões de dólares, em torno de R$14 bilhões. Os papéis da Natura Holding serão listados na B3, a bolsa brasileira e terão certificados de ações negociados na bolsa de valores de Nova York. Com a aquisição da Avon, a Natura agora conta com 6,3 milhões de Representantes e Consultoras, presença geográfica global com 3,2 mil lojas. O faturamento bruto da companhia será superior a 10 bilhões de dólares, mais de 40…

A chinesa Xiaomi anunciou nesta terça-feira (21), a criação da sua loja online para vender produtos no Brasil que além de smartphones, contará com patinetes e produtos higiênicos. O site vai ser lançado em junho e todos os produtos serão importados. Enquanto a loja física será inaugurada no próximo dia 01° em um shopping de São Paulo. As distribuidoras autorizadas, como grandes lojas de departamentos, venderão os celulares da marca. Segundo a fabricante chinesa, os itens que não forem comprados pelos canais oficias não contarão com garantia local e nem assistência técnica. Novos modelos Em evento realizado na cidade de São Paulo, a Xiaomi lançou 5 novos celulares para o país: Mi8 Lite, RedMi 7, RedMi note 7, Mi 9 e RedMi Go. Apenas o Mi 9 e o RedMi Note 7 tiveram seus preços anunciados. Mi 9 Tela de 6,39 polegadas Câmera frontal de 20 megapixels Conta com três câmeras na…

A Secretaria da Saúde do Distrito Federal criou a campanha “De bike ao trabalho”, a fim de promover a bicicleta como meio sustentável e saudável de transporte. O objetivo é que os servidores públicos diminuam o uso do carro e que a bike não seja apenas para lazer. O projeto de bicicletas compartilhadas foi criado em 2014 no Distrito Federal, mas atende apenas as regiões de Plano Piloto, Lago Sul e Águas Claras. Hoje, o DF conta com mais de 466 quilômetros de ciclovias e ciclofaixas, o que contribui para que os moradores se desloquem com maior facilidade. A Yellow disponibiliza bicicletas e patinetes elétricos na capital federal. Basta retira-los nas estações específicas por meio dos “dockless”, opção de aluguel via aplicativo. Desde março, a startup Grin também passou a disponibilizar patinetes. O serviço de bicicletas e patinetes elétricos ainda não é regulamentado na capital do DF. De acordo com a Secretaria…

Anunciado nesta terça-feira (21), a Caixa fará um mutirão de recuperação de crédito para tentar resolver dívidas de até 3 milhões de clientes que estão inadimplentes. O presidente do banco, Pedro Guimarães, afirmou que a expectativa é recuperar de R$1 bilhão a R$4 bilhões em créditos. A instituição deve oferecer descontos de 40% a 90% para que os clientes possam quitar suas dívidas. 2,7 milhões dos débitos são de pessoas físicas, os outros 300.000 são de empresas e 90% das dívidas são inferiores a 2 mil reais. Aos clientes, serão oferecidas opções de trocar dívidas caras, com juros de até 15% por empréstimos mais baratos, com juros entre 3% e 4%. De acordo com Pedro, o foco do mutirão é pessoas de baixa renda, além de pequenas e médias empresas. A Caixa deverá, ainda, abrir um nova linha de crédito imobiliário. Terá 10 bilhões de reais, podendo financiar até 46 mil imóveis,…