Powered by Rock Convert

Quando nascemos já somos registrados com um documento, conhecido como certidão de nascimento. Nele já se pode ter informações de um cidadão, como nome completo, nome dos pais e dos avós e o local onde nasceu. Através deste documento, podemos retirar outros documentos que também são importantes para um cidadão, como CPF, título de eleitor, carteira de trabalho e um outro documento que também é de suma importância: a carteira de identidade, também conhecido como RG.

Mas qual a importância do RG?

O RG tem a mesma função e informações que a certidão de nascimento, exceto por mostrar o nome dos avós, e ele contém uma numeração que é específica para cada cidadão. Depois que uma pessoa atinge uma certa idade, a apresentação do RG é obrigatória em vários lugares, principalmente, em setores públicos.

É importante cuidar muito bem de seu RG, pois ele representa sua identidade, mas além disso, em alguns lugares dependendo do estado em que se encontra o documento ele pode ser negado, então evite molhar, cuidado para não rasgar, e para não o amassar. É proibido plastificar o RG, então para a proteção de seu documento é indicado que o coloque em uma capa de plástico.

Atualmente o CPF também é encontrado no RG, então é mais um motivo para ser um documento importante e para ter mais cuidado. É aconselhado que você renove o RG a cada 10 anos pelo menos.

A CNH (Carteira Nacional de Habilitação) também pode ser usada como RG, já que este documento possui o número de identificação e também do CPF.

Como retirar RG

No caso de primeira via, você precisa ir em um desses postos de atendimento do Governo:

  • Poupatempo
  • Rio Poupatempo
  • Faça fácil
  • Na hora
  • Vapt Vupt
  • Tudo Fácil

No caso do Poupatempo é preciso marcar dia e horário. Você só precisa levar certidão de nascimento original e cópia, uma foto 3×4 da pessoa que será portadora do RG.

Para segunda via, no caso de perder o documento ou para atualizar você precisará de: Uma foto 3×4 atualizada, Certidão de nascimento original e cópia, Se houver certidão de casamento original e cópia, CPF original ou comprovante de inscrição da Receita Federal, para pagamento da taxa de segunda via, Cartão cidadão original ( no caso das pessoas que queiram que o número do novo RG seja substituído por PIS ou PAESP)

Se for caso de roubo do RG ou da carteira junto com RG é necessário também levar um boletim de ocorrência original ou cópia simples, isso isenta pagamento de taxa de segunda via.

Powered by Rock Convert

Escrever comentário

Shares