Powered by Rock Convert

É provável que você já tenha ouvido falar do crédito consignado. A opção é frequentemente oferecida a aposentados e pensionistas do INSS, em publicidades de diferentes mídias. Mas você sabia que outros públicos também podem utilizar do crédito? Mais barato, esse meio de empréstimo pode ser uma ótima alternativa para quem precisa de dinheiro!

Está interessado no empréstimo consignado, mas acha que não entende direito? Não tem certeza sobre alguma coisa? As dúvidas fazem parte, é importante saber alguns detalhes que fazem toda a diferença. Saiba tudo sobre o empréstimo consignadoEmpréstimo Consignado o que é, quem pode pegar, e estratégias para não errar

O crédito consignado é um tipo de empréstimo que pode ser utilizado por servidores públicos, aposentados e pensionistas do INSS, e por trabalhadores com carteira assinada.

  • Seu diferencial está no modo de pagamento das prestações: os valores são descontados automaticamente da folha de pagamento do consumidor.

Ou seja, o indivíduo não consegue deixar de pagar, ou atrasar uma parcela. Essa característica dá muito mais segurança aos bancos, pois eles têm certeza de que receberão o que lhe é devido.

  • O resultado são juros e taxas mais baratas, além de um prazo de pagamento geralmente mais extenso.

Há casos em que o crédito consignado pode ser obtido, ou ao menos simulado, pela internet. Pesquise a opção nos principais bancos. Qual o melhor banco para empréstimo consignado? Onde fazer?

Outra vantagem da opção é que ela é fácil de contratar, pela mesma segurança sentida pelos bancos. Desde que possua uma renda fixa mensal e solicite crédito condizente com estes rendimentos, é bem provável que o consumidor obtenha o que precisa.

De qualquer forma, é importante ter atenção a dois pontos principais.

  1. O primeiro é o valor de crédito solicitado. Para não comprometer as finanças, o ideal é que a prestação do empréstimo não ultrapasse 30% da renda mensal do indivíduo. Assim, mesmo com o pagamento compulsório das parcelas, o orçamento não ficará comprometido.
  2. Em segundo lugar, é fundamental planejar. Como citado, o tempo de pagamento de um consignado costuma ser maior. Nessa situação, é preciso colocar na ponta do lápis todos os gastos previstos para este período, e planejar economias, se necessário. Com atenção a este quesito, torna-se mais difícil perder o controle das finanças.

Cuidados na contratação do crédito consignado

Existem ainda outros pontos que devem ser avaliados antes da decisão pela obtenção do empréstimo consignado, para que ele possa ser utilizado da melhor forma.

A começar pelo pagamento compulsório das parcelas. Caso não tenha uma renda muito alta, o consumidor poderá ter sua qualidade de vida prejudicada. Isso mesmo que as parcelas correspondam a apenas 30% da sua renda, como sugerido anteriormente. Afinal, o indivíduo não vai mais contar com os valores correspondentes às prestações.

O que fazer se não conseguir pagar?

Nessa situação, porém, é importante saber que existem alternativas. Caso o usuário perceba dificuldades em suas finanças, pode entrar em contato com o banco credor e solicitar uma renegociação dos valores.

  • A financeira não é obrigada a aceitar um acordo, mas normalmente o faz para manter uma boa relação com seu cliente. Com a negociação, o consumidor pode ter suas parcelas diminuídas, e assim organizar melhor o orçamento.

O mesmo tipo de contato deve ser feito com o banco no caso do desemprego do cliente. Caso isso ocorra, não haverá mais folha de pagamento para o desconto das parcelas, e o banco não receberá o que lhe é devido.

Isso caracterizará a inadimplência do indivíduo, e poderá provocar, inclusive, a inserção de seu nome em serviços de proteção ao crédito, como o SPC e o Serasa. Assim, é fundamental conversar com o banco e negociar uma nova forma de pagamento.

Powered by Rock Convert

Escrever comentário

Shares