Powered by Rock Convert

CPF é uma sigla que todos já ouvimos falar, mas será que sabemos sua total importância, ou sabemos até os cuidados que temos que tomar com este documento?

O CPF é um documento que agrupa todos os dados de uma pessoa física, para passar informação para Receita Federal, facilitando serviços de imposto de renda. Por isso, quando fazemos algo que envolve banco, matrícula escolar e tudo que tenha órgão público, é necessário ter um CPF.

CPF, para que? 

Como é o documento mais importante, você tem que certificar que está tudo certo. Ter CPF sujo é grave, por isso é sempre bom consultar a situação do seu documento. 

Para declarar Imposto de Renda, você pode consultar no site da Receita Federal.

No caso ele pode estar em 1 dos 5 estados:

Regular

Está tudo correto, não tem nenhuma pendência

Pendente regularização

Pode existir uma pendência, um tipo de irregularidade no documento, neste caso você pode enviar a declaração do imposto após o prazo final.

Suspenso

Erro de cadastro, digitação, troca de letras ou números causam isso. Se acontecer através do site da Receita Federal você pode corrigir o erro, é só preencher o formulário de forma correta. Mas se o erro persistir, você terá que ir no cartório eleitoral e verificar se o erro não se encontra no título de eleitor.

Cancelado

Quando isso acontece significa que o dono do documento faleceu ou por uma decisão judiciária.

Nulo

Acontece quando ocorre duplicação ou falsificação do documento, a receita consegue identificar esse tipo de fraude e anular o documento.

Visto que existem algumas irregularidades e que o mesmo pode ser corrigido, se for um caso não mostrado acima, será necessário pedir uma regularização na Receita. Você terá que ir no Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal ou Correio, com certidão de nascimento, número do CPF e título eleitoral. Depois, pagar a taxa de R$7,00 e ficar atento com processo de regularização.

Cuidados

SPC e Serasa são preocupantes para portador de um CPF, o documento também é usado para identificar a administração financeira de cada pessoa, por isso quando alguém passa a dever algo para banco ou gastos pessoais que não foram pagos, elas são ameaçadas a terem seus nomes sujos, entrando na lista do SPC ou Serasa.

Para limpar seu nome, pague a dívida, guarde o comprovante e aguarde 5 dias úteis.

Se já houve protesto, descubra para quem você está devendo, procure o setor financeiro para realizar o pagamento, pegue o certificado com o valor que foi pago e leve ao cartório para retirarem a dívida.

Powered by Rock Convert

Escrever comentário

Shares