Powered by Rock Convert

Neste relatório você vai ficar por dentro do que aconteceu de mais importante no cenário político-econômico do Brasil e do mundo na última semana. Confira!

No mercado internacional, a última semana do ano foi marcada pela divulgação das duas principais medidas do sentimento econômico dos consumidores norte-americanos. Tanto a medida de confiança do consumidor do Conference Board quanto o índice de sentimento do consumidor apresentaram queda na comparação entre novembro e dezembro.

Domesticamente, segue no radar a possibilidade de que o novo relatório sobre a nota de crédito do Brasil da Standard & Poor’s seja divulgado ainda essa semana. A agência não adiantou qual seria a decisão a ser tomada a
respeito do rating do país. No cenário econômico, o mercado de trabalho brasileiro registrou fechamento líquido de 12.292 vagas.

.Mercado de Trabalho

No mês de novembro, o mercado de trabalho brasileiro registrou fechamento líquido de 12.292 vagas, interrompendo uma sequência de sete altas seguidas. Os dado do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) indicaram que apenas o comércio registrou saldo positivo, de 68.602 vagas. A indústria, por outro lado, fechou 29.006 vagas, serviços, 2.972 postos e agricultura, 21.761.

.Carga tributária

De acordo com dados divulgados pela Receita Federal, a carga tributária do país subiu para 32,38% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2016, ante 32,11% do PIB em 2015. O número considera a arrecadação gerada pela repatriação de ativos brasileiros no exterior. Essa é a segunda alta seguida na estatística da carga tributária, levando o indicador para o maior patamar desde 2013.

Os números divulgados indicam que a carga da União subiu de 21,95% para 22,11% do PIB. A arrecadação estadual ficou estável, com 25,40% do total, enquanto os municípios ampliaram sua fatia na carga tributária de 6,23% para 6,34%.  

.Confiança no varejo

O Índice de Confiança do Comércio atingiu 94,8 pontos em novembro, melhor resultado desde julho de 2014. Esse resultado indica alta de 2,4 pontos entre novembro e dezembro. O indicador, divulgado pela Fundação Getúlio Vargas, mostrou a reação do setor às taxas de inflação e de juros mais baixas. Além disso, o cenário se torna menos pessimista também no mercado de trabalho.

A expectativa é que a confiança no varejo siga em trajetória de recuperação desde que sejam mantidas as atuais condições macroeconômicas favoráveis ao consumo

.Rating soberano

A agência de classificação de risco Standard & Poor’s informou ao ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, que o novo relatório sobre a nota brasileira deve ser divulgado na sexta-feira (29). A agência não adiantou qual seria a decisão a ser tomada a respeito do rating do país.

.Cenário Corporativo

A Superintendência Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) decidiu recomendar a aprovação do acordo em que o maior banco privado do país, Itaú Unibanco (ITUB4), comprou 49,9% da corretora brasileira de valores, XP Investimentos. Contudo, a aprovação sugeriu algumas restrições a essa operação para limitar a influência do Itaú sobre as decisões comerciais da XP.

Os acionistas da Eletrobras (ELET6) aprovaram em assembleia geral extraordinária a prorrogação do prazo para a privatização das seis distribuidoras da empresa de 31 de dezembro deste ano para 31 de julho de 2018.

A Petrobras (PETR4) concluiu neste mês o pré-pagamento de US$ 5,1 bilhões em dívidas bancárias. Deste montante 72% estavam previstos para serem amortizados ao longo de 2018 e 2019.

A Vale (VALE3) informou ter avançado nas conversas com o Governo Federal sobre a antecipação da renovação dos contratos de concessão das Estradas de Ferro Carajás (EFC) e Vitória de Minas (EFVM).

.EUA

As duas principais medidas do sentimento econômico dos consumidores norte-americanos caíram ligeiramente em dezembro, após alcançar recordes durante o ano. A medida de confiança do consumidor do Conference Board anunciou queda no indicador para 122,1 pontos, após atingir o patamar mais alto em 17 anos em novembro. A Universidade de Michigan, por sua vez, reportou um recuo do seu índice do sentimento do consumidor em novembro e dezembro.

.Ásia

Em semana de volume mais fraco nas bolsas asiáticas, foram divulgados dados econômicos no Japão. A produção industrial avançou 0,6%, enquanto o mercado esperava 0,9%. Enquanto isso, as vendas no varejo cresceram 2,2% ao ano em novembro. Na China, o lucro industrial cresceu 15% em novembro, após ter avançado 25% no mês anterior, o pior resultado desde abril.

Gostou de ficar por dentro de tudo que aconteceu nos últimos dias? Acesse esse relatório semanalmente e não perca nenhuma informação importante. Te esperamos na semana que vem. Até lá!

Powered by Rock Convert
Author

Toro Radar é uma das maiores fintechs de investimento do mundo.

Escrever comentário

Shares