Powered by Rock Convert

Neste relatório você vai ficar por dentro do que aconteceu de mais importante no cenário político-econômico do Brasil e do mundo na última semana. Confira!

A expectativa quanto ao julgamento de Luiz Inácio Lula da Silva foi o principal destaque da semana no cenário interno. O recurso apresentado pelo ex-presidente no processo do tríplex será analisado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região na quarta-feira (24).

Nos Estados Unidos, a Câmara dos Representantes aprovou proposta que impede a paralisação do governo federal. No entanto, a medida ainda precisa ser aprovada no Senado para entrar em vigor e, assim, evitar o “shut down”.

.Julgamento do ex-presidente Lula

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deve viajar a Porto Alegre (RS) para participar das manifestações de terça-feira pela sua absolvição no julgamento do dia 24. A expectativa é que o ato programado para o fim da tarde do dia anterior ao julgamento reúna 50 mil pessoas.

O julgamento será transmitido ao vivo pela internet, via página oficial do TRF-4 no Youtube. A sessão está prevista para começar às 8h30. A sede do tribunal ficará isolada por cordões policiais e as ruas em frente ao tribunal poderão ser acessada somente por jornalistas credenciados.

.Mudanças na Caixa Econômica Federal

Após sugestão do Banco Central, quatro vice-presidentes da Caixa Econômica Federal foram afastados por suspeitas de envolvimento em irregularidades. Apesar disso, em meio às investigações e à pressão política, o presidente Michel Temer tentou adiar a medida.  

Gilberto Occhi, presidente da Caixa, promoveu interinamente diretores para substituir, por 30 dias, os vice-presidentes afastados. Após esse prazo, caso haja necessidade, as designações passam a ser de competência do Conselho de Administração do banco.

Com o afastamento temporário dos investigados, passa a ser do Conselho de Administração da Caixa a responsabilidade pela indicação e avaliação dos executivos. Dessa forma, Michel Temer é livrado do encargo político de se indispor com os aliados responsáveis por indicações políticas no banco. Além disso, há a expectativa que o Conselho de Administração ajuste o estatuto do banco à Lei de Responsabilidade das Estatais, não cabendo mais ao presidente da República nomear ou destituir os seus executivos.

.FGTS tem lucro de R$ 12 bilhões em 2017

De acordo com dados preliminares, o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) deve ter fechado 2017 com um lucro líquido de aproximadamente R$ 12 bilhões. O desempenho do FGTS é considerado elevado, mas foi prejudicado pela queda da taxa básica de juros (Selic). 

Se confirmado o desempenho projetado para 2017, o fundo garantidor vai distribuir 50% do valor, em torno de R$ 6 bilhões, aos seus cotistas. Esses recursos ficam depositados na conta do trabalhador podendo ser sacado apenas se cumprido os critérios exigidos, como demissão sem justa causa, aposentadoria ou doença grave.

.Cenário Corporativo

Nessa semana foi realizada uma reunião no Palácio do Planalto e ficou acertado que o envio do projeto de lei sobre a privatização da Eletrobras (ELET6) ao Congresso irá acontecer antes do fim deste mês. Faltam detalhes sobre a definição da data junto ao Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados.

As ações da CPFL Energia (CPFE3), ficaram em destaque nessa semana após a avaliação de que a chinesa State Grid, controladora da companhia, precisará fazer uma nova oferta de aquisição das ações (OPA) para tirar a empresa do segmento Novo Mercado.

Ocorreu nessa sexta-feira (19) o leilão para concessão da operação das linhas 5-Lilás e 17-Ouro do Metrô de São Paulo, por um período de 20 anos. Ele contou com as propostas da JSL (JSLG3), CCR (CCRO3) e CS Brasil. A ganhadora na disputa foi a CCR (CCRO3), com uma oferta de R$553,9 milhões e ágio de 185%.

.EUA

De acordo com o Livro Bege, o mercado de trabalho segue apertado nos Estados Unidos, enquanto ganhos salariais continuam modestos. Em 11 distritos do país, o crescimento foi avaliado como de modesto a moderado, enquanto na região de Dallas, foi registrada uma robusta expansão. Os preços cresceram moderadamente na maioria das regiões, de acordo com o relatório.

A Câmara dos Deputados aprovou uma prorrogação de um mês para a lei de gastos dos Estados Unidos, mas enfrentou oposição suficiente para ser barrada no Senado. Com a aprovação do projeto de lei de curto prazo para os gastos, o governo conseguirá se manter até o dia 16 de fevereiro. Com o risco de “shutdown”, suspensão de pagamentos governamentais e serviços públicos considerados não essenciais, o presidente Donald Trump cancelou a viagem que faria para a Flórida.

.Europa

O índice de preços ao consumidor na zona do euro foi registrado em 0,4% em dezembro e 1,4% no acumulado do ano, em linha com a previsão. O núcleo do indicador, que exclui os preços de energia e alimentos, foi de 0,5% no mês e 0,9% no ano.

.Ásia

A economia chinesa cresceu 6,9% em 2017, ritmo mais forte em dois anos. Esse resultado vem o apesar do empenho das autoridades econômicas em reduzir o risco financeiro de um endividamento excessivo no país.

Gostou de ficar por dentro de tudo que aconteceu nos últimos dias? Acesse esse relatório semanalmente e não perca nenhuma informação importante. Te esperamos na semana que vem. Até lá!

Powered by Rock Convert
Author

Toro Radar é uma das maiores fintechs de investimento do mundo.

Escrever comentário

Shares