Powered by Rock Convert

Quando se é dono de uma empresa ou pretende se aventurar nesse ramo, é preciso ter o conhecimento básico do mercado e principalmente de capital, já que sem dinheiro você não consegue tirar uma boa ideia do papel.

São várias as alternativas para poder chegar ao objetivo e uma delas é o empréstimo empresarial, porém ele só é uma opção viável para quem já possui uma empresa em pleno funcionamento.

Mas como qualquer procedimento que envolva agências bancárias ou contratos, o cuidado e o planejamento sempre deve ser redobrado.

Empréstimo empresarial?

Assim como um empréstimo comum, seria um acordo entre uma instituição bancária e uma pessoa física em que a instituição lhe dá uma quantia ou um equipamento, depende muito, e a pessoa vai pagando as prestações do valor descrito em um acordo firmado por ambos.

O que diferencia de um empréstimo comum é que para a empresa ser viável, cada banco estipula condições para que as empresas se encaixem.

Agências bancárias como Banco PAN ou Banco VOTORANTIM, dizem aceitar fazer empréstimos com empresas de pequeno, médio e grande porte, porém deve-se primeiro verificar o que eles consideram como tal.

Quando devo fazer um empréstimo?

Devido às altas taxas de juros que essa modalidade apresenta, o empréstimo deve ser somente um último recurso a ser utilizado. O uso dele só será realmente necessário quando você precisar de dinheiro imediato.

Como em situações como o pagamento de dividendos (lucro para os acionistas), a quitação de passivos (contas para pagar) ou a quitação de ativos (compra de bens e direitos), sendo assim, esse é um caminho muito interessante para a pessoa que quer ter sempre “uma carta na manga”, para quando necessitar.

Vantagens

Como qualquer outra decisão que tenha consequências a longo prazo, é importante que tudo seja muito bem pensado e planejado para que não acabe caindo em uma armadilha arquitetada por você mesmo.

Desta maneira, tenha em mente que antes de fechar qualquer negócio é importante saber as vantagens e desvantagens.

Uma das principais vantagens para quem possui uma empresa e faz esse tipo de operação é que os juros podem ser deduzidos do Imposto de Renda, sendo assim, conseguindo recuperar uma parte do valor como retorno, mas atente-se, porque há a exceção do juros sobre capital próprio.

Assim como qualquer contrato, o empréstimo empresarial, possui a vantagem de que ao assinar o contrato você como representante da empresa estará se comprometendo a pagar um valor e juros também fixos, o que é uma ótima opção para organizar a vida financeira de um negócio saudável.

Desvantagens

A desvantagem mais óbvia de se fazer um empréstimo é que a sua empresa estará adquirindo uma dívida a longo prazo, apesar de ter uma data para acabar, você não tem como prever como estará o mercado no futuro e como o seu negócio vai estar se ajustando às constantes mudanças.

Por algo tão incerto, muitas pessoas não veem esse recurso como muito esperança, pois se não administrado corretamente pode levar uma empresa de sucesso a ruína.

Portanto, essa só deve ser dívida a ser contraída somente quando a empresa possuir um bom planejamento financeiro e se possuir um empreendedor que tenha controle das contas, porque senão, contratará mais e mais empréstimos, que virarão bolas de neves.

Powered by Rock Convert

Escrever comentário

Shares