Mais um mês começou, e com ele vem aquele momento que sempre causa “desconforto” para os investidores. Afinal, é o momento de analisar o fechamento das carteiras mensais, e atualizar seus investimentos para captar as novas tendências do mercado. 

Por isso, não é nada estranho que investidores estejam “perdidos” sobre quais ativos escolher (ou até mesmo para iniciar sua carteira no caso dos “novatos da Bolsa”) no mês que está começando.

Mas calma, não é o momento de perder suas noites de sono. Os principais especialistas do mercado já estão apontando as melhores ações, e fizemos um “garimpo” entre as principais recomendações!

O que comprar em março?

Primeiramente, você já encontrou seu foco de investimento? Investir as “cegas” é um erro comum entre os investidores mais inexperientes, e acabam tirando o potencial de lucro de sua carteira. Por outro lado, carteiras com propósitos específicos tendem a ser mais rentáveis.

Então o que você procura? Valorização a curto prazo? Médio Prazo? Dividendos? Small Caps?

O mercado de capitais está transbordando de oportunidades, no entanto, encontrar seu recorte dos sonhos pode ser complicado. Se você está no time dos perdidos, confira abaixo confira abaixo a carteira de ações mensal recomendada pela equipe de analistas da corretora Órama Investimentos:

Ticker Empresa Segmento Peso Preço Alvo Upside
NTCO3 Natura & Co. Consumo 10% R$ 66,1 4 199,3%
BBDC4 Bradesco Bancos 10% R$ 29,07 38,6%
BPAC11 Banco BTG Bancos 10% R$ 44,67 74,6%
PETZ3 Petz Varejo 10% R$ 28,10 54,3%
CVCB3 CVC Turismo 10% R$ 39,54 183,6%
LIGT3 Light Elétricas 10% R$ 28,34 191 ,0%
SIMH3 Simpar Transporte 10% R$ 21,25 94,6%
UGPA3 Grupo Ultra Combustíveis 10% R$ 27,01 76,3%
VALE3 Vale Mineração 10% R$ 103,60 18,5%
VIIA3 Via Varejo 10% R$ 10,70 176,5

Ademais, sempre tenha em mente que o mercado não se limita a estas recomendações! No site Guia do Investidor, você pode encontrar uma série de carteiras, focadas em dividendos ou em Small caps. Portanto, não deixe de clicar aqui para conferir!

Autor: Leonardo Pereira, graduando em Economia e colaborador do Guia do Investidor

Comentários