O financiamento é ótima opção para aqueles que desejam ter o bem rapidamente, mas não contam com todo o dinheiro em mãos. Por meio do auxílio de uma financeira, o consumidor consegue crédito para pagamento de carros, automóveis ou qualquer outra demanda. Ao mesmo tempo, estes clientes assumem parcelamento dos valores junto ao banco, pagando prestações até que sua dívida de crédito seja quita

Apesar destas vantagens, porém, é importante conhecer algumas características do financiamento antes de optar pela alternativa. Saiba quais neste artigo!

Você não terá crédito aprovado com o nome sujo

Dificilmente uma financeira irá liberar valores emprestados para consumidor com dívidas no mercado. Como avalia o crédito por meio de listas como Centralização de Serviços dos Bancos (Serasa) e Serviço de Proteção ao Crédito (SPC), o banco buscará ter a certeza de que receberá as parcelas antes de conceder o crédito.

Para isto, também, a financeira vai solicitar comprovante de renda do pretenso financiado.

É necessário planejamento das finanças

Colocar todos os gastos na ponta da caneta é essencial para planejar o financiamento e não prejudicar a renda.

Financiamentos duram anos. No de imóveis, por exemplo, é comum que o cidadão pague parcelas por 35 meses. Desta forma, é preciso planejar a renda para agora e o futuro. Qual a renda atual? Qual a pretensão salarial daqui a alguns anos? É possível deixar de realizar algum gasto, se necessário?

Respondidas questões assim, o consumidor terá em mente suas reais condições em arcar com as prestações do parcelamento.

Além disso, é preciso ponderar a real necessidade do bem, e se o financiamento é mesmo a melhor opção. Afinal, existem opções como o consórcio e leasing que, apesar de terem efeito apenas no futuro, são mais baratas.

Powered by Rock Convert

Outra preocupação importante é saber que com o bem vem também custos. Para o carro, é preciso arcar com IPVA e combustível; no imóvel, IPTU e reparos. Todos os gastos devem ser previstos e colocados na ponta do papel, para que imprevistos não levem as contas para o vermelho.

É preciso pesquisar

Os bancos recebem compensação por seu empréstimo cobrando juros a cada parcela. Os encargos aumentam o valor final do bem, por vezes de forma exorbitante. Assim, é preciso pesquisar: nada de aceitar a proposta da primeira financeira!

Cada financeira tem taxas diferentes, e quanto menor o prazo para pagamento, menores elas serão. Para especialistas, o melhor é comprometer apenas 30% da renda mensal com o pagamento dos valores.

Conheça as diversas opções de financiamento e faça simulações em diferentes bancos. Após escolher o mais vantajoso, ainda negocie taxas e condições.

É essencial estar de acordo com o contrato

Na hora de assinar contrato para aderir ao financiamento, é preciso ter a certeza de entendê-lo por completo, e concordar com cada cláusula. No acordo ficarão listados os direitos e deveres do financiado, as taxas de juros, multas, valores das parcelas e demais detalhes do parcelamento.

Ler e concordar com cada item do contrato é muito importante para o negócio.

Caso haja dúvidas quanto a qualquer item, é importante discuti-lo com a financeira antes de aceitar o termo.

Seguindo estas dicas, aderir a um financiamento vai ser fácil e seguro, sem problemas futuros no orçamento. E então, arcar com qualquer sonho estará ao alcance de uma assinatura!

Para ler textos como este, acesse nosso blog. Lá você encontra vários artigos que te ajudarão a manter sua saúde financeira.

Powered by Rock Convert

Escrever comentário