Powered by Rock Convert

Capital social são recursos próprios iniciais que irão manter a empresa, é a quantia bruta que é investida no momento da abertura. Esses valores são estabelecidos pelos sócios ou acionistas para iniciar as atividades de uma nova organização. Nesse montante já está incluindo o tempo em que a empresa ainda não irá gerar lucro suficiente para se manter. O capital social é utilizado para comprar equipamentos para a organização.

Serve para ser usado na manutenção ou contratar serviços, adquirir bens como; computadores, impressoras, carros, mesas, cadeiras e tudo que for relacionado a seu negócio. Ele deve ser tratado com a mesma atenção que é dada aos bens e produtos de uma organização.

Capital Social

É o valor em dinheiro que cada pessoa deposita ao se associar a sua empresa. Esse montante serve para o desenvolvimento da cooperativa. Os acionistas oferecem esse capital à sociedade para garantir que os fornecedores e empregados recebam no final do mês. Nas universidades ou faculdades, aprendemos diferente: nos ensinam que esse montante pertence à sociedade e não aos acionistas da empresa.

Esse dinheiro promove o desenvolvimento dos serviços e torna possível a manutenção, pois é importante incentivar a capitalização. Por isso que os recursos próprios são fundamentais: uma empresa nasce sem capital próprio pode perder sua dependência financeira. Assim, ficando dependente só do crédito concedido pelo banco, a empresa corre o risco de ficar sempre no negativo, pois esses créditos são altíssimos.

A importância do capital social na empresa

O capital social é a principal fonte formadora do seu patrimônio e uma importante fonte para quem quer abrir uma empresa. No contrato social da empresa consta a participação dos recursos doados por cada sócio. Mostra também como cada sócio irá participar e contribuir com o montante.

É preciso discriminar por escrito o valor do patrimônio da empresa no contrato social de forma clara e objetiva. Ele é o poder financeiro que cada empresa tem, ou seja, representa os investimentos dos sócios quando o negócio estava ainda no começo das atividades. Esse montante deve ser levado em conta na hora de elaborar as estratégias da gestão. Além disso, a contabilidade deve ser consultada na hora de definir um empreendimento.

Aqueles que abrem uma empresa devem considerar os gastos futuros com manutenção, impostos e seguros. Muitos erram quando pensam só no custo do negócio, sem levar em consideração esses gastos. Tudo isso deve ser levantado no capital social para abertura da empresa.

Powered by Rock Convert

Muitas pessoas que estão abrindo um negócio pensam que vão trabalhar menos e ganhar mais. Isso é um total equívoco, pois se trabalha bastante, muitas das vezes nem tira férias, e os lucros não são imediato. Por isso, o capital é necessário para iniciar as atividades de uma nova empresa.

O objetivo dos acionistas é aumentar o patrimônio social da empresa com o tempo e, ara alterar o valor do dinheiro para mais é preciso ter a quantia inicial disponibilizada na organização. Conforme aumenta a empresa e o seu patrimônio, o montante deve ser registrado em uma junta comercial. Não é fácil definir o capital social de uma empresa, mas é fundamental que todo o processo seja registrado. Na hora de implementar o contrato social ou definir as porcentagens dos sócios é fundamental o auxílio de um contador, consultor de negócio ou um advogado especializado.

Você sabe o que é integralização de capital social? É quando os acionistas de uma empresa realizam o pagamento do valor prometido, ou seja, é a subscrição do capital por cada sócio. É a entrega da sua parte para o patrimônio social da sociedade. A integralização pode ser feita através de investimento em dinheiro, créditos e em bens como imóveis, equipamentos ou veículos.

Como conseguir capital social para iniciar as atividades da empresa

Se você quer abrir sua empresa e não tem capital para investir, pode recorrer a algumas instituições financeiras que fornecem empréstimo aos futuros empresários. Os bancos como Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Bradesco e outras instituições financeiras fornecem créditos a empreendedores. Os recursos financeiros podem ser obtidos através de documento da empresa e da pessoa física.

O Sebrae não oferece nenhum tipo de crédito aos empreendedores, mas auxilia de forma inteligente as pessoas a manterem seus negócios. Você pode consultar aqui a cartilha de linha de créditos do Sebrae. As instituições bancárias solicitam alguma garantia de crédito para quem quer começar um negócio.

Já no caso de precisar de capital social para empresa individual: se você for o único sócio, as regras do montante da sua empresa têm algumas alterações leves. O capital social do MEI permite aproximadamente R$ 60 mil de faturamento anual. A regra do MEI permite um valor que seja condizente com os custos e investimentos realizados no seu negócio. São diversos tipos de capital para empresa. Você também precisa conhecer os cuidados que os empreendedores individuais devem tomar. Veja o artigo empréstimo para MEI e conheça as vantagens e os riscos.

Portanto, o capital social é o poder financeiro de uma empresa, é importante que exista uma estratégia para definir corretamente esse montante. Antes de abrir o seu negócio consulte um advogado especialista para te auxiliar na parte financeira, pois é importante levar em consideração os gastos futuros. Se sua empresa continua firme nos negócios, significa que seu capital foi bem administrado. Definir o capital de uma organização não é tarefa fácil, por isso, é fundamental se manter por dentro do assunto.

Powered by Rock Convert

Comentários

Shares