Dicas para não perder dinheiro com cartão de crédito!

É preciso estar atento às armadilhas e perigos ligados ao uso do cartão de crédito. Apesar de o cartão de crédito hoje em dia ser praticamente indispensável, pela praticidade, facilidade e segurança, ele também pode trazer problemas inimagináveis, transformando-se numa bola de neve, se levarmos em conta os juros cobrados por esse serviço, que chegam a ultrapassar a faixa dos 450% ao ano.

Assim, alguns especialistas aconselham seguir algumas regras para facilitar a convivência e a relação com esse tipo de serviço tão popular e vital hoje em dia.

  1. Acompanhar sempre o extrato: não há outra forma de você ficar sabendo o que acontece com seu cartão se você não tiver o hábito de consultar periodicamente o extrato. Só assim você poderá saber se está gastando dentro de suas possibilidades ou não. E também isso servirá para que você esteja atento a qualquer tipo de irregularidade ou tentativa de fraude em seu nome.
  2. Não confundir crédito com renda. Esse é um dos erros mais comuns que os usuários despreparados podem cometer. O crédito que você tem no cartão não é o dinheiro ou a receita extra que você dispõe para gastar, portanto não se deve gastar o que não se tem.
  3. Compre os itens básicos no débito ou no dinheiro. O cartão de crédito deve ser usado de preferência para despesas extras, e não para aquelas do dia a dia, supermercado, farmácia, cafezinho, estacionamento (recomenda-se pagar esse tipo de despesa com o dinheiro de sua renda mensal).
  4. Nunca pagar o valor mínimo da fatura. O motivo nesse caso é bem óbvio, pois os juros são altíssimos. Mesmo com a nova possibilidade de parcelamento, os juros continuam muito altos. Portanto é sempre preferível pagar o valor total da fatura ou financiar a dívida.
  5. Defina um limite de gastos por mês. É importante estabelecer esse limite. Planejamento e controle são imprescindíveis para quem deseja ter saúde financeira.
  6. Ter no máximo dois cartões. Não há por que possuir mais de dois cartões e ter de pagar mais taxas de anuidade e outras mais. Ter vários cartões, embora seja tentador e “ostentador”, dificulta o controle de nossa vida financeira e nos causa a ilusão de que temos mais dinheiro do que realmente temos. É preciso ser muito disciplinado para controlar diversos cartões ao mesmo tempo e não cair na armadilha perigosa de possuir crédito ilimitado.
  7. Se informar e aproveitar sobre os programas de fidelidade. Há muitas vantagens e benefícios que podem ser aproveitados pelo usuário do cartão de crédito, tais como programa de milhas de viagem, preços menores e mais em conta em ingressos para cinema, shows, teatro, acumulação de pontos para ganhar desconto em produtos etc.

Educação financeira

Embora o cartão de crédito possa ser perigoso e nocivo às pessoas despreparadas, sem a menor noção de educação financeira.

Segundo esses especialistas, utilizar o cartão de crédito de forma estratégica e planejada pode ser uma boa maneira de ganhar dinheiro, valendo-se dos juros abusivos do cartão agora a nosso favor, seguindo uma lógica bem simples.

Mas para isso é preciso ter um dinheirinho e um certo conhecimento em investimentos (que tal acompanhar todos esses assuntos neste blog?). Dependendo da data de compra, você pode pagar o cartão em até 40 dias; então que tal usar esse período para investir seu dinheiro até chegar o dia do pagamento da fatura? Um juros aqui, um juros ali a nosso favor podem fazer uma tremenda diferença ao longo do tempo…

Escrever comentário

Shares