Powered by Rock Convert

Ficar rico é a meta de vida de muitas pessoas, mas infelizmente apenas um pequeno percentual dessas pessoas alcançaram a riqueza. Isso não significa necessariamente que esses indivíduos não tenham conhecimento sobre investimentos, ou que aqueles que irão enriquecer farão algo ilícito. Saber o que fazer é o primeiro passo para quem quer ter sucesso em algo.

No entanto, esse conhecimento não se resume aos melhores investimentos do mercado ou aos métodos de investir mais eficazes. Muitas pessoas se perdem na quantidade de conteúdos que existem na internet sobre “como investir” e deixam de lado o fato de ter que gerar renda. Há ainda aqueles que nem mesmo sabem a diferença entre essas duas coisas.

Se você está em dúvidas sobre investir ou gerar renda, continue lendo este post até o final para descobrir qual deve ser sua prioridade.

Diferença entre investir e gerar renda

Basta que você faça uma pesquisa na internet de “como ficar rico” e verá que muitos conteúdos falam sobre os melhores investimentos e sobre métodos “rápidos” de ganhar dinheiro. Embora muitas dessas informações sejam realmente verdades, há sempre um ponto de questionamento em torno do que é prioridade ou melhor para cada pessoa.

Considerando a dúvida que levantamos anteriormente, investir ou gerar renda são duas opções diferentes de ganhar dinheiro. Quando escolhemos investir, é necessário aplicar um determinado capital em algo que pode ser desde renda fixa até um próprio negócio. A escolha do investimento depende muito do perfil de cada investidor, que é avaliado de acordo com o risco que cada pessoa está disposta a correr, entre outras características.

Já essa questão de gerar renda é bem diferente do investimento, pois você não precisará investir para gerá-la. Sim, algumas rendas dependem de investimento, mas existem muitas que podem ser começadas sem nenhum custo. Para entender melhor essas diferenças, veja algumas características de algumas formas de ganhar dinheiro.

Investir

Nesta forma de ganhar dinheiro, você terá que aplicar um determinado capital para obter lucros. Dentre os investimentos mais comentados estão o de renda fixa e renda variável. Independente de qual for, você terá que aplicar valores para obter lucro, sendo que quanto menor é o risco menor é a rentabilidade.

Para aprender a investir corretamente você encontrará muitos conteúdos na internet. Nós oferecemos vários posts interessantes para você aprender a escolher os melhores investimentos dentro do seu perfil. No entanto, saber quais são os melhores investimentos não é tudo para quem quer enriquecer de verdade.

Isso porque, para pequenos investidores, rentabilidade fixa ou variável não serão o suficiente para enriquecer a longo prazo. Você já deve ter ouvido falar “compre ações e espere elas valorizarem”. De fato, investir em ações é um ótimo negócio, mas a valorização desses investimentos requerem anos ou décadas. Sendo assim, comprar um lote de ações não te fará rico se você não continuar investindo constantemente.

Quando uma pessoa diz que enriqueceu comprando ações ou investindo em outros produtos financeiros isso significa que ela investiu constantemente para que a rentabilidade aumentasse. O percentual ganho tanto na renda fixa quanto na renda variável só é sentido verdadeiramente com investimentos altos. Mas isso não significa que você não deve investir, pelo contrário. Só que para investir é preciso gerar renda.

Gerar renda

É nesse momento que você deve estar se perguntando: “mas a renda não é o que eu irei obter após o investimento?”. Sim, você terá renda a partir do seu investimento, mas encare isso como algo muito futuro. Gerar uma renda constantemente que seja o suficiente para manter todas as suas necessidades e ainda te fazer rico, levará tempo e bastante dinheiro.

O dinheiro que te fará rico deverá ser conquistado a partir de outras rendas. Por isso, gerar renda é o mesmo que obter dinheiro de outras fontes. Não adianta nada você saber como investir se você não possui o capital que te fará rico. Sendo assim, todo mundo que deseja enriquecer de verdade precisa saber proteger seu próprio patrimônio e gerar renda extra para poder continuar investindo.

Pense nesse questionamento de investir ou gerar renda como o que é prioridade, e não como o que é melhor para enriquecer. Até mesmo porque um depende exclusivamente do outro para que você chegue ao sucesso financeiro. Sendo assim, tenha em mente que fazer dinheiro no curto prazo é essencial para que você possa gerar renda a médio e longo prazo a partir dos seus investimentos.

Para gerar renda você deverá considerar todas as possibilidades com baixo custo. Por exemplo, aproveite melhor sua renda principal cortando gastos desnecessários para que parte desse dinheiro “sobre”. Além disso, trabalhe bastante em outros projetos que trarão dinheiro a curto prazo, como tirar fotografias, trabalhar como DJ, prestar consultoria em sua área de especialização, dar aulas particulares, vender produtos pela internet, entre tantas outras opções.

O ideal é que toda renda extra que você gerar seja destinada para algum investimento. É agora que o seu conhecimento sobre os melhores investimentos terão sentido. Mas para enriquecer a médio e longo prazo você terá que continuar investindo constantemente. Por isso, encare o fato de ter que trabalhar duro agora investindo no que você já sabe que dá certo, pois daqui pouco tempo você terá esse retorno na forma de enriquecimento.

Investir ou gerar renda exige trabalho duro e constante.

Investir ou gerar renda: o que fazer primeiro?

Agora que você já sabe que essas duas ações dependem uma da outra, é hora de conhecer o que vem primeiro. Como já mencionamos, investir contribui para a geração de renda, mas você só poderá parar de gerar renda com o seu trabalho caso o valor investido ofereça uma renda que pagará pelo seu custo de vida e ainda permitirá reinvestir.

Parece complicado? Fique tranquilo, pois isso é bastante fácil de entender. Vamos supor que você tenha um valor alto para investir. Considerando um investimento com alta rentabilidade, como ações, o lucro que você irá obter desse investimento poderá garantir os seus gastos mensais e ainda “sobrar” uma parte para que você continue investindo.

No entanto, caso o seu investimento seja menor, o valor aplicado não irá cobrir os seus gastos e nem mesmo proporcionará uma renda para que você possa reinvestir. Sendo assim, a prioridade dessas ações dependerá exclusivamente do valor que você investirá e das condições do seu investimento. Aliás, não aconselhamos que você invista tudo em um único investimento. Lembre-se que proteger seu patrimônio faz parte dos conhecimentos de como enriquecer.

Mas considerando qual dessas ações devem vir primeiro, vamos resumir que o investimento poderá vir primeiro se ele oferecer uma renda principal e ainda permitir reinvestir parte deste valor. Já a geração de renda será prioridade caso você não tenha o que investir ou o valor que você possua não permita ainda gerar renda passiva. Sendo assim, sua prioridade será gerar rendas extras e investir constantemente.

Nos dois casos, é importantíssimo que você invista constantemente. Mesmo que o seu investimento proporcione uma renda passiva suficiente para manter seus gastos, você deve continuar investindo, principalmente em outros tipos de investimentos para diversificar sua carteira. Dessa forma você chegará ao enriquecimento verdadeiro.

Coloque todas essas dicas em prática e confira outros conteúdos no site para aprender um pouco mais sobre como gerar renda e investir com segurança.

Powered by Rock Convert

Escrever comentário

Shares