Powered by Rock Convert

Os dados mostram que a maior parte das empresas não consegue passar dos primeiros três anos de atividade. Caso o seu negócio esteja passando por essa fase com sucesso, pode ser a hora de pensar em expandir e atingir um novo patamar.

Se sua empresa se mantém estável ou em progresso ao longo dos primeiros anos de atividade, parabéns!

Se sua empresa está indo bem e dá sinais de que precisa expandir, parabéns! Neste artigo, você irá conhecer 10 diferentes maneiras de expandir seu negócio. Mas é importante pensar bem antes de dar qualquer passo.

Ao analisar as opções, leve em conta o dinheiro, o tempo e os esforços que está disposto a investir. Afinal, um empreendedor consciente não vai arriscar a vida do seu negócio na tentativa de fazê-lo crescer.

#1 Busca por informações

Algumas dicas importantes para qualquer tipo de empreendedor são: manter-se atualizado sobre as tendências do mercado, preparar a empresa para enfrentar os efeitos da sazonalidade, conhecer os arredores e procurar por oportunidades de crescimento.

Esse tipo de conhecimento pode ser adquirido por meio de fontes confiáveis na internet, portais de negócios, jornais locais e outros empreendedores parceiros. Manter a empresa um passo à frente será bom tanto para tirar proveito dos benefícios quanto para lidar bem com as dificuldades.

#2 Melhorias nas instalações

Você usa os melhores softwares administrativos, têm funcionários dedicados e preparados e um planejamento financeiro eficiente – isso é ótimo! Mas, se os clientes sempre se depararem com uma loja suja, desorganizada e mal decorada, provavelmente sua empresa terá uma má reputação.

O empreendedor não deve subestimar a aparência do negócio. É claro, não adianta de nada investir alto na decoração mais moderna e não ter produtos em estoque o suficiente para atender à demanda, por exemplo; mas é possível fazer pequenas reformas e adotar simples dicas de design para tornar a empresa um lugar agradável até chegar o momento de uma grande mudança.

#3 Formação de parceria

Para os empreendedores que não dispõe de muito capital, mas estão dispostos a dividir as responsabilidades e lucros com outra pessoa, formar uma parceria pode ser uma opção viável.

Para analisar as possibilidades, deve-se levar em conta aspectos como a mentalidade do outro empreendedor, a capacidade dos negócios e a afinidade entre os serviços ou produtos oferecidos.

Se os empreendedores trabalharem em conjunto, investindo seu tempo e recursos para o sucesso dos empreendimentos, e procurarem manter uma relação de confiança e boa comunicação, a parceria pode trazer ótimos resultados para ambas as empresas.

#4 Fusão/compra de outra empresa

Esse é um grande passo capaz de determinar o desempenho dos seus negócios por um bom tempo, pois afetará seus lucros, suas despesas e a relação com a concorrência. Portanto, deve-se fazer uma abrangente análise antes de tomar uma decisão.

O empreendedor deve levar em conta, entre outros fatores, todas as particularidades dos mercados envolvidos e a quantidade de capital necessária para adquirir e manter o negócio. Dessa forma, será possível avaliar de maneira detalhada o custo e o retorno esperado do investimento e assim fazer uma decisão acertada.

#5 Fornecimento para empresas

Começar a fornecer para outra empresa maior pode ser uma ótima maneira de expandir o negócio. Há diferentes maneiras de fazer parte de uma cadeia de fornecimento, portanto é interessante conhecer as possibilidades e avaliar qual é a melhor opção para sua situação atual.

Para evitar ficar no vermelho, o empreendedor deve fazer profundas análises antes de investir na expansão da empresa.

#6 Uso de ferramentas e softwares

Felizmente, gerenciar as receitas e despesas, o estoque, o relacionamento com os clientes e boa parte das necessidades de um negócio hoje é bem mais fácil graças aos milhares de softwares e ferramentas cuidadosamente planejados para esse fim.

Há muitas opções disponíveis, portanto um empreendedor poderá saber qual combina melhor com sua empresa por entrar em contato com outros empreendedores parceiros que já conhecem e confiam nas ferramentas.

#7 Uso da internet

Ao falar sobre expansão dos negócios, a internet pode ser a primeira coisa na qual os empreendedores pensam, afinal, nada mais amplo e acessível do que a rede. No entanto, manter uma empresa online tem suas complexidades e desafios e é preciso estar preparado para lidar com isso.

De fato, a visibilidade e as ferramentas oferecidas no meio virtual aliadas a boas práticas administrativas podem trazer grandes resultados. Além disso, hoje há muita informação de qualidade destinada a quem desejam empreender na internet e isso facilita bastante o processo. Portanto, é interessante considerar os prós e contras de levar o negócio a outro nível por meio da internet.

#8 Gerenciamento de estoque

O empreendedor deve ser cauteloso com respeito à administração do estoque. Sim, a ideia é expandir, alcançar mais clientes e novos mercados, lidar com maior demanda e estabilizar a empresa num nível mais alto, mas isso não se concretiza de um dia para o outro nem depende apenas da quantidade de produtos estocados ou expostos.

O planejamento a ser feito para definir os níveis do estoque envolvem dados a respeito dos clientes, das receitas, das despesas, dos fatores externos que afetam as vendas, entre outros. Dessa forma, uma boa opção é recorrer à ajuda profissional no início para compreender o básico sobre estoque para empresas em expansão.

#9 Sintonia com a equipe

Caso a ideia seja estar sempre progredindo, o empreendedor e seus funcionários devem se manter informados e atualizados sobre as melhores práticas e mais novas tendências do mercado. Deve-se também incentivar as mudanças e não perder tempo em aplicá-las.

É especialmente importante ter uma equipe capacitada e motivada a crescer. Estabelecer metas é uma boa maneira de manter o foco e o ritmo de crescimento. Para isso, todos devem estar conscientes da situação da empresa e da mentalidade do empreendedor.

#10 Sintonia com os clientes

É interessante planejar ações de crescimento com base na demanda e nas necessidades dos clientes. Mas, para isso, é necessário conhecê-los. Adotar medidas como presença e engajamento em redes sociais, pesquisas de opinião e cartões fidelidade pode evidenciar o desempenho da empresa e ajustar as expectativas do empreendedor.

Com base nesse conhecimento, é possível saber os pontos fracos e fortes do negócio do ponto de vista dos clientes. Então, ao pensar em mudanças, haverá diferentes opções para guiar as escolhas de modo a resolver problemas reais ou criar soluções úteis aos clientes e boas para a empresa.

Expandir o negócio é uma decisão que precisa ser bem pensada e planejada para evitar prejuízos e possibilitar verdadeiros avanços. Analise qual das opções é mais adequada à realidade da sua empresa e siga os passos necessários. Para ter retorno, é preciso investir, mas há diferentes meios de fazer isso de forma saudável e prudente.

Achou o artigo útil? Tem alguma dica para expandir os negócios? Fale para nós na seção de comentários!

Powered by Rock Convert

Escrever comentário

Shares