Powered by Rock Convert

Ser um profissional liberal ou autônomo dificulta muito conseguir crédito, pois como não há holerites (contracheques), as financeiras e bancos tendem a negar o pedido. Então, como conseguir empréstimo sem comprovação de renda formal naqueles momentos em que é necessário dinheiro extra? É possível?

É possível conseguir um empréstimo sem comprovação de renda?

Sim, é possível! No geral, as instituições financeiras tendem a exigir a comprovação de renda com um meio de segurança, pois é mais viável emprestar dinheiro para alguém que tem como provar que poderá pagar, do que o contrário. Mas antes de tudo saiba como não ter o nome sujo, e ter uma maior facilidade de conseguir um empréstimo.

Porém, visando quem não se encaixa nesse perfil, existem algumas outras formas de se conseguir empréstimo que isentam a atestação de salário ou aposentadoria. Conheça-as a seguir:

Penhor:

É um dos empréstimos mais antigos que existe na história e atualmente caiu em desuso, mais algumas instituições ainda o realizam.

O pensamento por trás dessa forma de ceder dinheiro é usar como garantia algum objeto de valor, esse fica sob posse do banco ou casa de penhor enquanto a quantia não é restituída, após a quitação da mesma o artefato é devolvido ao proprietário.

Caso haja inadimplência, a peça se torna propriedade da instituição.

Microcrédito:

É ofertada apenas para quem tem aspiração de empreender em um comércio próprio, tornando-se microempreendedor, costuma basear-se em pequenas quantias e muitas vezes para garantia da entidade, o interessado precisa apresentar um plano de negócio.

Empréstimo com garantia:

É semelhante ao penhor, mas ao contrário do desuso do anterior, esse é muito procurado.

Ele funciona de forma que, para se conseguir liberação de crédito é preciso ter algum bem, como um imóvel ou um veículo, que sirva de garantia ao banco, pois em caso de inadimplência o bem é tomado pela instituição.

Apesar desse viés negativo, é uma categoria bastante procurado, tendo em vista que tem grandes prazos de pagamentos e baixos juros, além de ser disponibilizada por vários bancos e costuma ofertar uma quantia que equivale à até 70% do valor da garantia.

Refinanciamentos ou garantias (de Imóvel ou Veículo)

No momento de obter um empréstimo sem comprovação de renda, você pode ter um bem que pode ser útil, como um imóvel ou um carro.

Refinanciar um automóvel é uma opção que deve ser considerada. Afinal, os juros costumam ser convidativos, assim como o prazo de pagamento. No entanto, o valor do empréstimo é limitado ao valor do veículo.

Garantir um imóvel, para quem precisa de um valor maior, também é  viável. As taxas são baixas em relação às outras modalidades de empréstimos sem comprovação de renda. Quanto ao prazo de pagamento, é um dos maiores: pode se estender por até 240 meses, o equivalente a 20 anos.

Esse é um empréstimo com garantia (no caso, um imóvel ou carro é colocado em garantia para o caso de você não pagar as prestações em dia). Como o banco tem certeza de que vai receber o seu pagamento (na pior das hipóteses ele vende o bem da garantia e quita a dívida), você conseguirá taxas de juros bem baixinhas.

Então é importante deixar bem claro: se a dívida não for paga, você vai perder o bem. Assim, só recorra a essa opção se você fizer um bom planejamento e tiver certeza que conseguirá pagar a dívida.

Um exemplo de instituição financeira que faz esse serviço online é a Creditas (antiga bankfácil). Você pode conferir mais no site deles:

Além disso, os grandes bancos tradicionais como Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil, Itaú, Santander, ou mesmo menores como Banco Pan e Omni Financeira também fazem esse serviço. A maioria das instituições financeiras gosta de fazer esse tipo de empréstimo: afinal de contas, o risco é bem baixo.

Ideia semelhante ocorre com o Penhor. É a mesma coisa que um refinanciamento (item anterior), só que a garantia é uma jóia, um relógio caro, um bem de valor. No Brasil o penhor só pode ser feito pela Caixa Econômica Federal. A avaliação do valor do bem é feita na própria agência e você já sai com dinheiro na hora. Os juros também são bem baixos.

 Avalista

É similar ao fiador em um contrato de aluguel, pois conseguir um empréstimo por meio de um avalista é uma maneira de se conseguir crédito usando algum familiar ou conhecido próximo.

Esta pessoa precisa estar disposta a comprovar renda ou bens como garantia, no lugar de quem almeja o empréstimo. Portanto, caso o indivíduo não seja capaz de arcar com suas responsabilidades, o avalista, assumirá o dever de arcar com elas.

Por meio de um bom avalista, é possível ter uma quantia que dificilmente seria conseguida por outros meios. É algo semelhante ao que acontece com o fiador, quando se tem o aluguel de um imóvel.

 3. Empréstimos a Juros Altos (online)

Essa não deveria nem ser uma opção. Mas se você não consegue optar por nenhuma das outras e o empréstimo é urgente, essa pode ser uma saída. Algumas financeiras podem fazer esse processo online. Aqui indicamos duas opções confiáveis, para que você não caia em golpes da rede.

Alguns lugares que prestam esse serviço são:

Simplic

O Simplic é um site especializado em empréstimos pessoais de baixo valor, inclusive para quem tem restrição de nome no mercado. Os valores que podem ser contratados variam de R$ 500,00 a R$ 3.500 e os juros são bastante altos, podendo chegar a mais de 15% ao mês.

Moneyman

O esquema é o mesmo do Simplic: pequenos valores, altos juros, atendimento todo online. Um diferencial do Moneyman é que os empréstimos são progressivos: você começa com um empréstimo de apenas 3 meses de prazo. A medida que for evoluindo (e se mostrando bom pagador), eles te liberam opções de maiores valores e prazos.

Os dois sites acima, apesar de não serem instituições financeiras cadastradas pelo Banco Central, são correspondentes bancários de bancos autorizados. Leia mais sobre os sites de empréstimo online na seção “Testes do Juros Baixos” do nosso blog.

Cuidado com Golpes!

Empresas como Brasconcred, Cevecred, Mundial Cred, Bancolusopar, que solicitam depósitos adiantados, taxas de cartório ou qualquer taxa adiantada são golpes! Saiba mais sobre como se prevenir

4. Financeiras (juros podem ser altos!)

Este tipo de empréstimo tem juros elevados e a quantia liberada é limitada. Mas vale consultar as empresas desse mercado e verificar as condições, caso você não consiga pegar empréstimos nas opções anteriores e o valor seja urgente.

Muitas vezes, apenas com CPF, RG e comprovante de residência em mãos, a operação já pode ser concretizada.

A financiadora, então, verifica a situação do solicitante junto aos órgãos de proteção ao crédito. Com tudo aprovado, são necessários contatos de referências pessoais.

Esse é um procedimento geral para empréstimos sem comprovação de renda em financiadoras. Cada uma delas tem regras próprias. Listamos algumas delas a seguir.

Empréstimo sem comprovação de renda: como cada financeira trabalha

Aqui serão listadas algumas das mais famosas empresas do setor e suas condições para empréstimos sem comprovação de renda. Nenhuma das listadas abaixo trabalha com negativados.

Losango

A Losango oferece simulações de empréstimos apenas com RG e CPF. Para se concretizar o negócio, é necessário ter um comprovante de residência e extratos bancários dos últimos três meses.

A financiadora não oferece uma taxa de juros única. Ela varia de acordo com o valor do empréstimo e do número de parcelas necessário para quitá-lo. É importante saber disso antes de fechar qualquer negócio.

A Losango somente faz esse tipo de transação com quem está com o nome limpo.

Ibi

A Ibi também faz simulação apenas com apresentação de RG e CPF. No entanto, esse é um processo um pouco mais burocrático, onde são exigidos dados como grau de escolaridade, tipo de residência (própria ou alugada) e dois telefones para confirmação de dados.

As taxas de juros podem ser obtidas após a simulação.

O pagamento pode ser feito por boleto bancário ou cheque, e o Ibi também não negocia com quem está negativado.

Uma particularidade do Ibi é a exigência de obter o seu cartão de crédito para realizar a simulação. Ele pode ser cancelado, mas apenas após três meses.

Arcor Créditos

Tem política semelhante às anteriores no caso de empréstimos sem comprovação de renda. Suas taxas de juros variam entre 5 a 12% ao mês, dependendo do número de parcelas e do valor negociado.

A simulação ou contratação da operação está sujeita a análise de crédito. Logo, o empréstimo é realizado apenas para pessoas cujos nomes não têm restrição.

Algumas financeiras famosas, como o BMG e a Crefisa, somente fazem empréstimos para pessoas que têm como comprovar renda.

5. Microcrédito

Esse empréstimo não precisa de garantias, mas requer que você esteja investindo no seu próprio negócio.

O microcrédito é um programa de concessão de empréstimos de pequeno valor a microempreendedores formais e informais, geralmente sem acesso ao sistema financeiro tradicional. Geralmente é patrocinado pelo governo como forma de promover o desenvolvimento através do apoio à produção dos pequenos empreendedores.

O bacana desse sistema é que, durante o empréstimo, você terá a assistência de um agente de microcrédito, que te ajudará a impulsionar a sua empresa.

Diversos bancos têm linhas de microcrédito, com valores de até R$20.000 e taxas de juros que giram em torno de 29% ao ano*.

Leia mais sobre microcrédito aqui

*(dado de setembro de 2016).

Renegocie suas dívidas

Muitas vezes, no lugar de pegar um empréstimo, renegociar as suas dívidas e limpar o seu nome pode ser uma boa opção para aliviar o seu orçamento.

Uma empresa que pode te ajudar nisso é a AcertoA proposta deles é fazer esse trabalho de renegociação de dívidas todo por você, online e gratuitamente. Nascidos em Minas Gerais, eles possuem parceria com a Câmara de Dirigentes Lojistas (dona do SCPC), e estão expandindo sua atuação por todo o Brasil.

Lá você pode conferir a situação do seu CPF e propor a renegociação das dívidas.

Clique aqui para conferir sua situação no site da Acerto.

Pesquise antes de comprar

A dica que você usa para fazer compras no mercado também serve para o mundo dos empréstimos: compare os bancos para conferir as menores taxas!

Clique aqui e compare taxas de juros entre vários bancos

Antes de confirmar o empréstimo, considere cada proposta, verificando principalmente as taxas de juros e condições de pagamento.
Verifique também as possibilidades de avalista e refinanciamento simultaneamente às simulações das financeiras, observando, principalmente, as taxas de juros e prazo de pagamento.

Comente aqui e, em caso de dúvidas,  entre em contato com a gente. O compartilhamento de informações é essencial para que todos saiam ganhando em seus negócios. Boa sorte!

Powered by Rock Convert
Author

Economista pela FGV-RJ e assessor de investimentos (CPA-20). Apaixonado por educação financeira e microfinanças, é cofundador do jurosbaixos.com.br, site de comparação de crédito e portal de educação financeira. Em seu canal do youtube, explica o básico de finanças para leigos (youtube.com/jurosbaixos).

2 Comments

  1. Jose Alves do Nascimento Reply

    Boa tarde o meu motivo de tar aqui foi uma menssagem que recebi no celular falando parabems voce foi aprovado um emprestimo de dez mil reias sem consulta SPC e coprovaçao de renda

Escrever comentário

Shares