Powered by Rock Convert

Hoje em dia, viajar tem se tornado, cada vez mais, um sonho de consumo dos brasileiros. Segundo um estudo do Ministério do Turismo, 60 milhões de brasileiros viajam pelo país, e mais 70 milhões estão se preparando para se juntar a esta estatística. E você? Já faz parte ou está tentando se juntar a este número? Pois saiba que já há diversas ofertas de empréstimo para viajar no mercado. Para saber mais sobre este assunto, me acompanhe na leitura deste artigo.

Viajar é preciso

Após um ano todo trabalhando, viajar é uma necessidade. Desta forma, é possível descansar o corpo e a mente. E o descanso mental é o mais importante para “recarregar as baterias” e enfrentar mais um ciclo de um ano de trabalho. Se você está a mais de um ano sem tirar férias, a necessidade é ainda mais urgente. Porém, o maior problema pode ser o custo da viagem, certo? Afinal, viajar não é nada barato. Se o destino for para fora do país, complicou ainda mais, já que o Dólar e o Euro são muito mais caros que o Real. E muitos destinos, ainda que na América Latina, são vendidos com base no Dólar.

Se você quer viajar e não tem dinheiro para isto neste momento, é claro que a melhor alternativa é se planejar, juntar dinheiro para viajar no futuro. Mas pode ser que exista um motivo que condicione a viagem para agora. Pode ser uma oportunidade no exterior, disponibilidade de tempo, uma comemoração após uma graduação, enfim.

Seja qual for o motivo, saiba que já existe uma série de ofertas de empréstimo para viajar, tanto nos grandes bancos quanto em outras instituições financeiras.

Quanto você precisa?

Antes de solicitar o empréstimo, é fundamental ter em mente quanto sua viagem irá custar. É preciso considerar uma série de fatores:

  • Passagens
  • Hospedagem
  • Alimentação
  • Seguro-viagem
  • Transporte (transporte público na cidade onde irá ficar ou aluguel de carro e combustível)
  • Souvenires
  • Compras em geral

Seja realista ao fazer seu cálculo. Afinal, você não quer que sua viagem vire um sufoco, certo?

Outro ponto importante é saber quanto de dinheiro você terá para oferecer de entrada no empréstimo. Isso porque a maioria dos bancos cobre apenas uma porcentagem do valor solicitado.

Para saber quanto irá gastar, outro passo é fazer orçamentos da viagem. Você irá precisar apresentar o orçamento, dependendo do banco ao qual for recorrer para o empréstimo.

Para saber quanto irá gastar, outro passo é fazer orçamentos da viagem.

Faça simulações

Agora que você já sabe quanto precisará pegar emprestado, faça simulações do empréstimo e conheça quanto pagará por prestação. Em muitos casos, é possível fazer a simulação pela internet, sem compromisso.

Tenha em mente quanto poderá pagar por mês por parcela, e tome cuidado para não contratar um valor acima do que você pode pagar.

Como falamos anteriormente, alguns bancos cobrem apenas parte do valor necessário para pagar pela viagem. Por isso, esteja preparado financeiramente para arcar com o restante.

Lembre-se que, ao fazer um empréstimo, você pagará impostos e outras taxas além dos juros. E o valor pode variar bastante, dependendo da instituição financeira.

O empréstimo de R$ 10 mil em 36 vezes, por exemplo, pode gerar parcelas de R$ 592,00 (Santander) até R$ 697,00 (Bradesco). Dentre os grandes bancos, alguns dos que já oferecem este tipo de crédito são:

  • Santander
  • Bradesco
  • Banco do Brasil
  • Caixa Econômica Federal
  • Itaú

É importante dizer também que a condição para aprovação e o valor a se pagar pelo empréstimo depende de algumas variáveis, como análise de cadastro, análise de crédito e score (nota com base em seu perfil).

Como economizar na viagem

Após realizar sua viagem, comece a planejar a próxima antecipadamente para pagar mais barato e não precisar fazer empréstimo.

O período ideal para comprar passagens aéreas, por exemplo, é 10 meses antes da data desejada.

Para a hospedagem, é possível conseguir preços mais vantajosos em hostels ou alugando casas por temporada.

Para alimentação, prepare suas refeições sempre que possível. Há restaurantes também que oferecem cupons de descontos em determinados países.

Aprenda a utilizar o transporte público no local que for visitar. Na maioria das vezes, ele sai mais barato do que o aluguel de carro. Em alguns locais, ainda é possível alugar bicicletas para se locomover.

Tenha uma reserva financeira para a próxima viagem. Assim, você não precisará pagar juros e, o melhor: viajará com tudo já pago, sem precisar se preocupar com as dívidas quando voltar.

Empréstimo para viajar

Agora que você já conhece o empréstimo para viajar, pesquise, planeje-se, escolha a melhor opção para seu bolso e boa viagem!

Se você gostou do conteúdo, compartilhe-o. Para mais conteúdos como este, continue nos acompanhando. Caso tenha ficado com alguma dúvida ou quiser compartilhar sua opinião, basta escrever aqui embaixo nos comentários.

Powered by Rock Convert

Escrever comentário

Shares