Categoria

Impostos

Categoria

Declaração do Imposto de Renda na Leoa é confiavél? Quem nunca passou um pesadelo com a declaração do Imposto de Renda que atire a primeira pedra. É mesmo complicadinho ter que se munir de todas as informações necessárias, acessar o tal programa da Receita Federal e fazer a obrigação de declarar os rendimentos. Foi pensando nisso que nasceu uma assistente virtual com o propósito de ajudar os contribuintes brasileiros a declararem o seu Imposto de Renda de forma segura e, sim, muito confiável: a Leoa. A ideia é que qualquer pessoa possa realizar a declaração de forma rápida e intuitiva. Por que declarar o Imposto de Renda na Leoa é seguro? A Leoa realiza todas a validações de segurança com tecnologia de ponta e obedecendo todos os protocolos internacionais, com servidores na nuvem por meio das empresas Google e Amazon AWS. A equipe da Leoa também monitora, em tempo real, o envio…

Conhecido como CDB, o Certificado de Depósito Bancário é um dos investimentos mais populares entre os brasileiros inscritos no CPF. Tem sido uma boa opção, pois tem uma segurança equivalente à poupança, porém com rendimentos maiores. Para tirar as dúvidas que você tenha a respeito do CDB e de como é cobrado o Imposto de Renda, preparamos este artigo. O que é o CDB? Utilizado pelos bancos para a captação de recursos, o CDB é um título em que o cidadão investe um dinheiro que será reutilizado por esses bancos para empréstimos e financiamentos, por isso recebe o nome de certificado. Em troca do valor, os bancos irão proporcionar juros pré-determinados: o CDB é uma aplicação de renda fixa. São três tipos de modalidade disponíveis: Pré-fixado: possui uma taxa fixa de jutos por ano Pós-fixado: os juros são atrelados a algum índice, como o DI Indexado: tem um juro anual fixo, porém…

A declaração do Imposto de Renda é temida por muitos. Afinal, além de oferecer inúmeros dados à Receita Federal, o documento dá um pouco de trabalho. É necessário preencher uma série de categorias, oferecer comprovantes e verificar os requisitos básicos. Mas nem todos precisam declarar o IRPF: alguns cidadãos estão isentos da declaração. Você sabe se é isento? Tradicionalmente, o Imposto de Renda deve ser entregue entre março e abril. É por meio da declaração que a Receita conhece as operações financeiras da maioria dos cidadãos do país, e consegue tributar aquelas que devem ter recursos divulgados. É por meio também do IRPF que o consumidor pode obter o ressarcimento de valores, na chamada restituição de imposto. Quem deve declarar? Com os montantes adquiridos nesta tributação, o Governo estabelece gastos diversos. Os valores são investidos na educação, saúde, crédito rural e programas sociais, como o Minha Casa, Minha Vida e o Bolsa…