Author

Toro Radar

Browsing

Neste relatório você vai ficar por dentro do que aconteceu de mais importante no cenário político-econômico do Brasil e do mundo na última semana. Confira! Em semana de agenda intensa tanto no cenário doméstico quanto no internacional, ganhou destaque a condenação do ex-presidente Lula em segunda instância pela 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª região. A condenação unânime gerou um cenário em que maior probabilidade é a de que Lula seja inabilitado a concorrer nas eleições presidenciais desse ano. Já no cenário internacional, a semana foi marcada pelo Fórum Econômico Mundial realizado em Davos, Suiça, onde houve declarações de figuras importantes, como da diretora-geral do FMI, Donald Trump e Angela Merkel. .Lula é condenado em segunda instância A apelação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva contra a sentença de primeira instância que o condenou por lavagem de dinheiro e corrupção foi rejeitada por unanimidade no Tribunal Regional Federal da…

Neste relatório você vai ficar por dentro do que aconteceu de mais importante no cenário político-econômico do Brasil e do mundo na última semana. Confira! A expectativa quanto ao julgamento de Luiz Inácio Lula da Silva foi o principal destaque da semana no cenário interno. O recurso apresentado pelo ex-presidente no processo do tríplex será analisado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região na quarta-feira (24). Nos Estados Unidos, a Câmara dos Representantes aprovou proposta que impede a paralisação do governo federal. No entanto, a medida ainda precisa ser aprovada no Senado para entrar em vigor e, assim, evitar o “shut down”. .Julgamento do ex-presidente Lula O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deve viajar a Porto Alegre (RS) para participar das manifestações de terça-feira pela sua absolvição no julgamento do dia 24. A expectativa é que o ato programado para o fim da tarde do dia anterior ao julgamento reúna…

Neste relatório você vai ficar por dentro do que aconteceu de mais importante no cenário político-econômico do Brasil e do mundo na última semana. Confira! O destaque da semana ficou por conta do rebaixamento da nota de crédito do Brasil pela S&P. A agência de classificação cortou a nota de longo prazo de “BB” para “BB-“, alterando a perspectiva de negativa para estável. A justificativa para o rebaixamento foram os progressos menores do que esperado na aprovação de medidas para corrigir a questão fiscal, além da instabilidade política. Enquanto isso, na Ásia, as importações de petróleo da China recuaram em dezembro, após alcançarem uma máxima de três anos no mês anterior. No ano de 2017, as importações subiram 26,9%. S&P rebaixa nota de crédito do Brasil A agência de classificação de risco Standard & Poor’s decidiu cortar a nota de longo prazo do Brasil de “BB” para “BB-”, alterando a perspectiva de…

Muitas vezes nos deparamos com histórias de pessoas que, mesmo com renda mensal baixa, conseguiram valorizar o próprio dinheiro a ponto de ficarem ricas. Normalmente, acreditamos que essas pessoas conquistaram tudo isso por pura de sorte, sendo que na verdade esse sucesso financeiro se tornou realidade por causa de uma receitinha básica. Para enriquecer sem ganhar na loteria, é preciso mudar alguns hábitos e adotar novas atitudes. Bateu curiosidade? Confira abaixo 5 passos que todo mundo que quer ficar rico deve seguir: 1) Economizar dinheiro A primeira coisa que você precisa aprender é economizar dinheiro. Mas, para isso dar certo, você precisa conhecer sua renda e suas despesas. Ou seja, comece a registrar todas as suas movimentações financeiras a partir de agora. É interessante que você faça o mesmo com suas fontes de renda. Anote todo o dinheiro que recebe e diferencie-os de acordo com a origem, se é renda principal, recebimento…

Neste relatório, você vai ficar por dentro do que aconteceu de mais importante no cenário político-econômico do Brasil e do mundo na última semana. Confira! Máxima histórica da Bolsa de Valores brasileira, acordo da Petrobras com investidores estrangeiros e aumento de salário na Ásia são destaques da primeira semana do ano. .Bolsa de Valores Após atingir 79.102 pontos, o Ibovespa renovou a máxima histórica na última quinta-feira (04). A avaliação é que esse cenário foi possível devido ao momento favorável à negociação de ativos de risco no mundo em meio às perspectivas de crescimento global mais forte. .Índice de Preços ao Produtor Enquanto os preços ao consumidor seguem dentro da meta, os preços aos produtores apresentaram forte aumento nos últimos meses de 2017. De setembro a novembro, o Índice de Preços ao Produtor (IPP) avançou 4,78%, de acordo com o IBGE. Três atividades da indústria de transformação, que respondem por cerca de…

Neste relatório você vai ficar por dentro do que aconteceu de mais importante no cenário político-econômico do Brasil e do mundo na última semana. Confira! No mercado internacional, a última semana do ano foi marcada pela divulgação das duas principais medidas do sentimento econômico dos consumidores norte-americanos. Tanto a medida de confiança do consumidor do Conference Board quanto o índice de sentimento do consumidor apresentaram queda na comparação entre novembro e dezembro. Domesticamente, segue no radar a possibilidade de que o novo relatório sobre a nota de crédito do Brasil da Standard & Poor’s seja divulgado ainda essa semana. A agência não adiantou qual seria a decisão a ser tomada a respeito do rating do país. No cenário econômico, o mercado de trabalho brasileiro registrou fechamento líquido de 12.292 vagas. .Mercado de Trabalho No mês de novembro, o mercado de trabalho brasileiro registrou fechamento líquido de 12.292 vagas, interrompendo uma sequência de…

O mercado de investimentos é muito rico em possibilidades. Um investidor possui uma gama de modalidades e pode escolher mais de um tipo de investimento para fazer suas aplicações. Inclusive, a recomendação de analistas de mercado é que os investimentos sejam diversificados para dar mais segurança ao investidor. Você sabe o que é um fundo de investimento? Neste post, você vai aprender sobre mais uma modalidade: os Fundos de Investimento Imobiliário. Você entende como eles funcionam? Sabe como investir e quais são os riscos que eles envolvem? Como colocar seu dinheiro num fundo de investimento? Você vai descobrir tudo isso neste post. Confira!  O que são FII? A sigla FII significa Fundos de Investimento Imobiliário. São grupos de investimento onde as pessoas se juntam para aplicar dinheiro em empreendimentos imobiliários. Assim como as Letras de Crédito Imobiliário (LCI), os FIIs são formas de investir no setor de imóveis. A grande diferença é…

Neste relatório, você vai ficar por dentro do que aconteceu de mais importante no cenário político-econômico do Brasil e do mundo na última semana. Confira! No mercado internacional, a semana foi marcada pela aprovação da reforma tributária nos EUA. O mercado também ficou atento à questão na Catalunha, onde os partidos separatistas ganharam a maioria na eleição para um novo Parlamento. No mercado interno as atenções se voltam para a reforma da Previdência. .Economia O Banco Central elevou a estimativa de crescimento do PIB em 2017 de 0,7% para 1%, destaque para o setor agropecuário e setor de serviços. Também foram elevados as projeções para alta de exportações, de 3,9% para 5,5% e importações de 1,9% para 4,6%. Para 2018, o Banco Central projeta avanços para o nossa economia, alterando sua expectativa de crescimento no PIB de 2,2% para 2,6%. Além disso, a Inflação anual medida pelo IPCA (Índice de Preços ao…

Neste relatório você vai ficar por dentro do que aconteceu de mais importante no cenário político-econômico do Brasil e do mundo na última semana. Confira! Nesta semana o governo divulgou que irá votar a Reforma da Previdência apenas em fevereiro de 2018 devido a falta de votos favoráveis para a aprovação ainda neste ano. Diante desse anúncio as agências de classificação de risco Moody’s e Fitch fizeram um alerta do impacto negativo do adiamento para o rating do país. O FED decidiu elevar a taxa de juros da economia norte americana em 0,25 pontos percentuais, ao intervalo entre 1,25% e 1,50%, como previsto, mantendo a projeção de inflação e de três altas nos juros em 2018. .Reforma da Previdência Nesta semana, o líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), provocou grande confusão ao anunciar que a votação da Reforma da Previdência na Câmara dos Deputados teria sido adiada para fevereiro de…

Neste relatório você vai ficar por dentro do que aconteceu de mais importante no cenário político-econômico do Brasil e do mundo na última semana. Confira! Os destaques da semana ficaram para a reunião do Copom, que aconteceu na quarta-feira e terminou com o anúncio de mais uma queda na taxa Selic. A Petrobras aumentou o preço médio do gás de cozinha e a peça publicitária sobre a reforma da previdência pode voltar a ser veiculada.  Nos EUA, o presidente Donald Trump tomou a decisão de reconhecer oficialmente Jerusalém como capital de Israel e mudar o a embaixada do país. .Economia De acordo com o IBGE, o Produto Interno Bruto (PIB) cresceu 0,1% no 3º trimestre, em comparação com o trimestre anterior, mostrando a terceira elevação seguida. Os dados mostraram avanço da indústria e do setor de serviços, sendo este último correspondeu ao maior peso na composição do nível de atividade econômica. Por mais um trimestre consecutivo,…